Após um atraso no lançamento do OnePlus One por causa de um bug, o poderoso e relativamente barato smartphone finalmente começou a ser enviado para os poucos sortudos que receberam convites da empresa. E é claro que não demorou muito para o iFixit publicar sua desmontagem do celular, detalhando seus componentes e sua facilidade de reparo.

O dispositivo vem com uma CPU quad-core Snapdragon 801 8974-AC com 2.5 GHz, 3 GB de RAM, GPU Adreno 330, tela de 5,5 polegadas com resolução de 1920x1080 pixels, câmera traseira de 13 MP e frontal de 5 MP e bateria de 3.100 mAh. Com um convite, o aparelho sai por US$ 299 (cerca de R$ 673, sem impostos) em sua versão de 16 GB e por US$ 349 (em torno de R$ 786, sem as taxas) na de 64 GB.

De acordo com o iFixit, o OnePlus One não é o smartphone mais fácil de reparar do mundo, mas recebeu a nota 5 de 10 em sua pontuação de reparabilidade – quanto maior o número, mais fácil de consertar o gadget. Esse valor coloca o celular no mesmo patamar que o Samsung Galaxy S5, que também ficou com 5 de 10, mas é muito superior ao recebido pelo HTC One M8, que recebeu apenas 2 de 10.

Prós e contras

Um dos pontos de diminuiu a pontuação total do OnePlus One foi sua bateria, que por ter seu conector preso por um painel de plástico e vários parafusos acaba sendo mais difícil de trocar do que seria ideal. Além disso, o fato da tela LCD e do digitalizador serem fundidos um no outro faz com que seja necessário substituir ambos os componentes caso um deles seja danificado – e o processo ainda requer aquecimento para que eles sejam removidos.

Ainda assim, o iFixit ressalta como aspectos positivos o fato do aparelho não possuir modelos próprios de parafusos e que todos eles possuem o mesmo tipo de cabeça, diminuindo o custo de ferramentas para reparos. Por fim, os componentes relativamente modulares do One permitem o uso de partes mais baratas para trocas.

Confira as fotos do processo de desmontagem do OnePlus One na galeria acima.

Ainda há esperança

Os fã ansiosos por adquirir o aparelho já devem saber que os convites que garantem acesso à primeira leva do OnePlus One já estão esgotados, de forma que quem ainda desejar comprar o gadget terá que desembolsar uma quantia consideravelmente superior de dinheiro para pegar um com quem já tiver. No entanto, os mais sortudos ainda podem ter alguma esperança de conseguir um convite extra por meio de um sorteio feito pela fabricante.

A empresa vai distribuir mais 2.500 convites para todos aqueles que cumprirem uma série de requisitos bastante simples – o que provavelmente significa que você estará concorrendo com dezenas de milhares de participantes. Tudo o que é preciso para participar é se cadastrar no site da companhia (clique aqui) com sua conta no Facebook ou email e seguir os passos indicados, que costumam se limitar a ações como fazer postagens diárias sobre o OnePlus One.

Os usuários que continuarem inundando as redes sociais com posts sobre o smartphone até o dia 24 de junho estarão concorrendo a um dos 2.500 convites para adquirir a versão de 64 GB do aparelho. Vale ressaltar, é claro, que o cupom dá direito apenas a comprar o celular, de forma que ainda será preciso pagar os US$ 349 – somente o mais sortudo de todos os participantes realmente receberá o OnePlus One totalmente de graça.

Cupons de desconto TecMundo: