O convite para o evento de lançamento do WP8 (Fonte da imagem: Reprodução/The Verge)

Na primeira semana de setembro, Microsoft vai mostrar os novos detalhes do Windows Phone 8, o sistema operacional portátil que é totalmente baseado na experiência Windows que você poderá ter em tablets e computadores. No mesmo evento, a Nokia voltará para os holofotes para mostrar os próximos aparelhos flagship (top de linha) que levarão o WP8 às prateleiras de todo o mundo a partir do dia 7 de setembro.

Mas como será esse novo aparelho? Ainda não é possível afirmar com certeza, mas há várias especulações que podem ser realizadas. Já foi revelado que o novo sistema operacional terá suporte para processadores com múltiplos núcleos, por isso não há chances de que um smartphone seja anunciado com a CPU inferior às Snapdragon dual-core da Qualcomm.

Novos recursos?

Com um processador mais potente, os aplicativos e recursos do aparelho devem ser abertos e executados com velocidade superior. Isso pode representar também um avanço na captura de fotografais capturadas com o aparelho. É difícil que isso aconteça, mas não seria ruim encontrar a câmera PureView nos smartphones com WP8.

(Fonte da imagem: Reprodução/Microsoft)

Também é muito esperada a chegada do NFC e dos sistemas de pagamento facilitado pelo próprio aparelho. Integração direta a aplicativos de VoIP e comandos por voz não seriam surpresas, pois já vêm sendo mencionadas pela Nokia e pela Microsoft há algum tempo. Quanto à tela, a aposta é a de que ela terá pelo menos 4 polegadas, para que consiga concorrer com o Samsung Galaxy S3 e com o próximo iPhone.

Poucas mudanças no design

É bem possível que quem espera por mudanças bruscas no design do novo aparelho – comparado aos Nokia Lumia lançados com o Windows Phone 7 – fiquem um pouco decepcionados. Como afirmou uma analista do CNET, a Nokia não possui dinheiro suficiente para arriscar em um modelo inédito. Isso pode ser somado à boa recepção que os consumidores tiveram em relação ao Lumia 900.


Novos aparelhos não devem ser muito diferentes do Lumia 900 (Fonte da imagem: Divulgação/Nokia)

Com esses fatores em mente, não fica difícil imaginar que os novos smartphones serão lançados com a mesma base do design utilizado anteriormente. Também não seria surpreendente se os aparelhos chegassem ao mercado com nomes parecidos com as gerações anteriores, como Lumia 1000 (ou algo parecido).

Por enquanto, tudo isso ainda são rumores baseados em análises da movimentação da Nokia e da Microsoft nos últimos meses. A verdade nós só saberemos no dia 5 de setembro, quando as novidades serão apresentadas oficialmente.

Fonte: CNET e The Verge

Cupons de desconto TecMundo: