Após passar algum tempo como uma propriedade da Microsoft, a Nokia anunciou a sua volta ao mercado de dispositivos móveis nesta quarta-feira (18). Isso aconteceu após a empresa de Bill Gates colocar a divisão à venda por US$ 350 milhões para a FIH Mobile (subsidiária da Foxconn) e a HMD Global, confirmando um rumor que surgiu na rede recentemente. 

A transação deve ser concluída no segundo semestre deste ano, e com isso a Microsoft abre mão da marca Nokia, bem como da fábrica localizada em Hanoi, no Vietnã. Dessa forma, a empresa finlandesa terá novamente produtos com o seu nome em várias lojas ao redor do globo futuramente. 

Também houve a menção de que está nos planos disponibilizar tanto smartphones quanto tablets que levam o nome da Nokia, todos eles trazendo o Android como sistema operacional. Para isso, a HMD anunciou que vai investir US$ 500 milhões ao longo dos próximos três anos para o desenvolvimento dos produtos.

Após uma temporada ao lado da Microsoft, finalmente veremos o retorno dos aparelhos da Nokia às lojas

Quanto à Foxcoon, essa será a responsável por produzir os aparelhos em questão em uma subsidiária taiuanesa. Já a Nokia vai receber pagamentos de royalties da HMD que estiverem relacionados à venda de produtos com a sua marca. 

Casa nova, trabalho antigo 

Somado às informações acima, também foi mencionado que Arto Nummela, que atualmente é executivo da divisão mobile da Microsoft e trabalhou na Nokia por mais de uma década, passará a ser o diretor-executivo da HMD quando o acordo foi fechado. Além dele, a empresa também receberá Florian Seiche, outro executivo da empresa de Bill Gates que atuará como presidente da HMD. 

Outro detalhe divulgado é que as operações da Microsoft envolvendo os smartphones Lumia não vão ser afetadas, uma vez que ela continuará desenvolvendo produtos com o Windows 10 Mobile e manterá a marca viva ao continuar sua parceria com empresas como Acer, Alcatel, HP e VAIO.

O que você acha do retorno da Nokia ao mercado com tablets e smartphones com sistema Android? Comente no Fórum do TecMundo

Cupons de desconto TecMundo: