A Nokia está voltando aos holofotes, mas não como muitos gostariam. Nesta terça-feira, a empresa anunciou que está comprando uma companhia francesa chamada Withings, que é especializada na produção de gadgets relacionados à saúde — desde balanças eletrônicas até termômetros conectados e relógios com funções fitness. A transação está sendo concluída com grandes cifras, sendo que os números finais ficam em torno dos R$ 650 milhões.

Para que a compra seja concluída, agora só falta os órgãos reguladores aprovarem a transação — o que deve acontecer já nos próximos meses, sendo que o processo está previsto para ser concluído já no terceiro trimestre. Essa é mais uma demonstração de que a Nokia está mesmo investindo no mercado de eletrônicos conectados.

No começo deste ano, a empresa já havia revelado alguns detalhes sobre os investimentos em Internet das Coisas e tecnologia de conexão 5G para redes móveis. Ainda não há informações sobre novos aparelhos que devem ser criados na empresa, mas há quem cogite que algum smartwatch possa sair na divisão. Será que veremos novidades ainda em 2016?

E os smartphones e tablets?

Durante a MWC 2016, a Nokia já havia prometido um grande anúncio relacionado à portabilidade, mas também não foi como a maioria imaginava. Em vez de um novo smartphone, a companhia finlandesa trouxe ao mercado novidades sobre investimentos em redes móveis e internet das coisas. Um ano antes, a empresa licenciou sua marca para que a Foxconn criasse o tablet N1, mas continuou afastada da produção de portáteis. Ou seja: ainda deve demorar até que vejamos a Nokia produzindo portáteis, efetivamente.

A Nokia ainda possui espaço no mercado? Comente no Fórum do TecMundo

Cupons de desconto TecMundo: