"Pré-venda", na verdade, era a tentativa de ganhar um Nokia X em um concurso (Fonte da imagem: Reprodução/JD.com)

A notícia de que o Nokia X, primeiro Android da companhia, havia alcançado a marca de 1 milhão de pedidos em pré-venda na China deve ter feito brilhar os olhos dos executivos da Microsoft, atual dona da fabricante. Entretanto, parece que o pote de ouro no final do arco-íris não era, de fato, um pote de ouro.

Segundo o site LiveSide.net, o número de 1 milhão de pedidos foi divulgado pela loja virtual JD.com. A questão é que a “pré-venda” dessa página não exigia qualquer registro ou tipo de pagamento prévio, algo incomum para qualquer processo do gênero.

Ficou claro depois de que isso tudo fazia parte de um concurso no qual as pessoas tentavam ganhar um Nokia X gratuitamente na hora. Algo como “Clique no botão de pré-compra e você pode ganhar um Nokia X”, jogando um balde de água fria em quem apostava que isso significava o sucesso absoluto de um aparelho ainda não lançado.

É bem provável que uma quantidade considerável desse 1 milhão de pessoas até chegue a comprar o dispositivo depois de seu lançamento, mas, por enquanto, as reservas do Nokia X ainda não alcançaram tal marca na China.

Cupons de desconto TecMundo: