Esta sexta-feira (23) é uma data a ser celebrada – e nem estamos nos atendo à questão de que o fim de semana está para começar ou qualquer coisa do gênero, mas sim pelo fato de que, há 127 anos, uma das empresas mais influentes do mundo dos jogos era fundada: a Nintendo.

“Nossa, a empresa já tem tudo isso de vida”, alguns podem pensar. E, por mais curioso que isso possa parecer, ela nem sonhava com jogos eletrônicos, Mario, Virtual Boy (se bem que esse está mais para um pesadelo para a companhia), NX ou qualquer coisa do gênero assim que começou suas atividades em 1889. Na verdade, ela deu seus primeiros passos de uma forma bem simples: baralhos.

Prazer, Hanafuda

Não, o nome acima não tem nada a ver com o primeiro executivo da Nintendo. Na verdade, Hanafuda foi uma das primeiras apostas feitas pela companhia (que na época se chamava “Nintendo Koppai” e nem era realmente uma empresa como conhecemos atualmente, mas sim uma loja especializada na criação e na comercialização desse item) e se trata de um conjunto com cartas que são usadas para jogar diversos games – algo parecido com o baralho tradicional que temos atualmente.

Placa do antigo local que a Nintendo usava como escritório nas primeiras décadas de atividade

As primeiras cartas produzidas pela empresa eram de flores, e essas eram úteis para se divertir em um jogo muito popular no Japão desde o século 16. Alguns anos depois, em 1902, Fujisaro Yamauchi, fundador da companhia, começou a pensar na produção de cartas com um estilo mais voltado para o mercado ocidental (evidentemente, pensando em lucrar um pouco mais com exportações).

O que talvez ele não imaginava à época é que tal ideia deu certo, e nem vamos entrar no mérito de que as cartas de Hanafuda eram usadas em apostas, inclusive as feitas por membros da yakuza (refletindo aí o nome da companhia, pois, separando, Nin-ten-do seria algo como “sorte-céu-lugar”, ou um lugar onde você coloca a sua sorte nas mãos dos deuses, para deixar tudo um pouco mais claro).

Exemplo de cartas Hanafuda produzidas pela Nintendo

Alguns anos depois, na década de 50, Hiroshi Yamauchi assumiu o lugar do pai na companhia, alterando o nome para “Nintendo Playing Card Co. Ltd”. Curiosamente, ela também se tornou a primeira a realizar uma produção mais robusta de cartas plásticas no Japão, além de ter começado a produção de estampas temáticas da Disney, em 1959.

Nin-ten-do seria algo como “sorte-céu-área”, ou um lugar onde você coloca a sua sorte nas mãos dos deuses, para deixar tudo um pouco mais claro

Entretanto, foi apenas em 1963 que a companhia enfim mudou o seu nome para “Nintendo Co., Ltd", período no qual passou a fabricar brinquedos e jogos. A gravação que você confere abaixo mostra alguns desses produtos criados pela empresa um pouco antes de começar a se interessar por consoles, cartuchos e afins.

Avançando no tempo

A aproximação e o avanço da década de 1970 fizeram a Nintendo perceber que era preciso mudar alguns de seus projetos, e foi nesse momento que ela começou a fazer algumas parcerias para lançar produtos que podem ser considerados os primeiros passos na caminhada no mundo dos jogos. Entre eles estão algumas pistolas que foram comercializadas por outras empresas e até mesmo um sistema de projeção com filmes de 16 mm que era usado em fliperamas temáticos.

Posteriormente, a empresa passou a investir em fliperamas, Game & Watch e, finalmente, jogos. Entretanto, acreditamos que do saudoso Nintendinho em diante você já deve estar mais familiarizado, por isso resta-nos encerrar este artigo por aqui desejando que a Nintendo possa comemorar muitos outros anos de vida e, evidentemente, nos presentear com diversos games divertidos e que certamente terão lugar em nossos corações e em nossas memórias.

Via TecMundo Games.

Cupons de desconto TecMundo: