O hoverboard, aquele skate flutuante utilizado por Marty McFly no longínquo futuro de 2015 em "De Volta para o Futuro 2", pode virar uma tecnologia da NASA antes mesmo de se tornar realidade como veículo. Isso porque a mesma tecnologia que move o protótipo Hendo, da Arx Pax, foi sondada para uso pela agência espacial norte-americana.

O processo de patente ainda está em andamento, mas já se sabe um pouco sobre o funcionamento da tecnologia. Trata-se do uso da arquitetura de campo magnético (MFA, na sigla original), que permite ao hoverboard se mover sobre qualquer superfície condutiva — sem precisar de ímãs por todo o piso ou supercondutores, como em outros projetos.

Ao manipular campos magnéticos criados entre o hoverboard (que gera uma espécie de redemoinho de eletricidade) e o piso, é possível fazer o movimento de repulsão ou atração. A NASA ficou interessada na tecnologia para realizar a movimentação de satélites de pequeno porte no espaço. Eles são essencialmente feitos de alumínio e realizariam o movimento de acoplagem com maior segurança utilizando o MFA.

Pelos próximos anos, a startup e a agência trabalharão na produção de um protótipo. A tecnologia do hoverboard tem uma série de limitações que precisam ser superadas tanto para o skate flutuante quanto para o projeto da NASA, transformando essa situação em uma vitória de qualquer jeito. Fique de olho no TecMundo — e no futuro — para mais novidades.

Você acredita que teremos um hoverboard funcional até o final de 2015? Comente no Fórum do TecMundo

Cupons de desconto TecMundo: