Estação Espacial Internacional poderia correr riscos pela falta de segurança dos computadores da NASA

Mesmo no espaço, astronautas enfrentam perigos que podem surgir aqui mesmo, na Terra. É o caso, por exemplo, da possibilidade de um hacker invadir sistemas sensíveis da agência espacial norte-americana. Foi sobre isso que o inspetor-geral da NASA, Paul Martin, falou para o Congresso americano na última quarta-feira (20).

De acordo com Martin, apenas 1% dos laptops e dispositivos móveis usados pelos funcionários da NASA possuem seus dados criptografados. Isso pode fazer com que documentos importantes “vazem” e acabem em mãos erradas depois do roubo ou perda dos gadgets usados pelas equipes. Na verdade, diversos arquivos desses já acabaram perdidos ou divulgados sem permissão por causa de incidentes similares; entre eles havia algoritmos usados para controlar a Estação Espacial Internacional, números da seguridade social dos funcionários e, até mesmo, informações confidenciais sobre os programas Orion e Constellation.

No total, Paul Martin reconheceu a ocorrência de 5.408 falhas de segurança entre 2010 e 2011, incluindo a invasão de computadores por hackers “curiosos” ou financiados por agências de inteligência estrangeiras. De acordo com o testemunho do inspetor-geral, esses incidentes causaram um prejuízo estimado de mais de US$ 7 milhões para a NASA.

Cupons de desconto TecMundo: