Ficou animado com a possibilidade de que o Spotify ganhasse um concorrente ainda mais forte com a aquisição do serviço Tidal pelo rapper Jay-Z? Bem, sentimos informar que não será tão fácil assim, mesmo com a oferta de 56 milhões de dólares feita por ele.

Segundo o site Aktiespararna, aproximadamente 10% dos membros do grupo suíço Aspire, dono do serviço, teriam sido contra a aquisição do músico – uma minoria suficiente bloquear a venda. Até o momento, Jay-Z não teria respondido à decisão, fosse adquirindo uma menor porcentagem das ações da empresa, aumentando sua oferta ou desistindo da compra. O mais curioso disso é que não há um motivo para a falta de uma resposta do rapper.

Tão curioso quanto isso, de fato, é a rejeição da oferta da empresa: os ganhos para a companhia, com a oferta, seriam de 59%. Seja como for, o prazo para o fim das negociações está quase aí, e se nada mudar até o dia 11 de março, é bem provável que a Tidal continue como está atualmente.

Cupons de desconto TecMundo: