A Coreia do Norte anunciou nesta sexta-feira a adoção da "hora de Pyongyang", que exigirá um atraso de todos os relógios do país em 30 minutos a partir de 15 de agosto. Com a decisão, a "hora de Pyogyang" será GMT + oito horas e meia, 30 minutos mais tarde que na Coreia do Sul, que tem a mesma hora do Japão, GMT + 9.

A alteração do horário no país foi aprovada na quarta-feira pelo Parlamento norte-coreano, e marcará o 70º aniversário da libertação da península coreana do reinado colonial japonês (1910-1945). "Os cruéis imperialistas japoneses cometeram muitos crimes imperdoáveis, até o de privar a Coreia de sua hora padrão enquanto pisavam suas terras sem piedade", destacou a agência oficial KCNA.

Na era pré-colonial, a hora da Coreia era GMT + 08H30, o que foi modificado pelo Japão em 1912. O ministério sul-coreano da Unificação estimou que a mudança pode complicar a situação, especialmente na zona industrial intercoreana de Kaesong, situada no território norte-coreano.

A Coreia do Sul também modificou seu horário, em 1954, para marcar a ruptura com o Japão, mas retrocedeu em 1961, quando Park Chung-hee chegou ao poder via golpe militar. O dirigente resolveu que os dois principais aliados dos Estados Unidos na região - Seul e Tóquio - deveriam caminhar juntos.

SeulCoreia do Sul

Via EmResumo.

Cupons de desconto TecMundo: