Na madrugada desta segunda-feira (02/02), uma quadrilha fortemente armada invadiu o terminal de cargas do Aeroporto Internacional de Viracopos, em Campinas (SP), e roubou uma carga de “placas de processadores” que serviriam para montar equipamentos da Motorola. A fabricante de smartphones comunicou que a carga era de propriedade da Flextronics, empresa responsável pela fabricação de seus produtos no Brasil.

A assessoria da Flextronics não soube informar ao G1 se os componentes roubados eram de fato destinados à Motorola, mas a carga foi avaliada pela Polícia Federal em US$ 2 milhões, cerca de R$ 5,3 milhões na cotação atual.

Carga e roubos similares

Detalhes mais precisos sobre a ação dos criminosos não foram divulgados, mas os equipamentos supostamente destinados à Motorola estavam divididos em quatro volumes que pensavam juntos 70 Kg.

As polícias Federal, Civil e Militar de São Paulo, além da Receita Federal, investigam o caso, mas não há informações públicas sobre o paradeiro da quadrilha. Essa não é primeira vez que o aeroporto de Viracopos e a região de Campinas registram ocorrências de roubo de cargas de eletrônicos. Lotes da Apple e da Samsung já foram roubadas nos arredores.

Cupons de desconto TecMundo: