(Fonte da imagem: Reprodução/Wikimedia Commons)

Antes de a Google poder assumir a Motorola Mobility, é necessário que comitês regulares de comércio em todo o mundo aprovem os negócios. Estados Unidos e Europa já haviam assinado a aprovação no início do ano, mas só agora o governo chinês liberou a transação, impondo algumas restrições à empresa de Mountain View.

Para que a China assinasse a aprovação, a Google teria que manter o Android gratuito e aberto por cinco canos. Sendo que, ao final desse período, o ministério chinês voltaria a verificar a importância dos smartphones no país. Com as permissões internacionais, agora a Google está mais perto de adquirir a Motorola Mobility por 12,5 bilhões de dólares.

Fonte: Yahoo News

Cupons de desconto TecMundo: