Na próxima quinta-feira (9 de junho), a Lenovo vai protagonizar um de seus eventos mais esperados de todos os tempos. Totalmente dedicado à divisão Mobile da companhia, a data deve ser marcada pela chegada de dois novos aparelhos de altíssimo nível — sendo que essas devem ser as grandes apostas da fabricante para o mercado internacional.

O que são esses novos smartphones? Por que eles estão sendo tão esperados e quais são os motivos pelos quais os consumidores de todo o mundo devem se importar? É exatamente isso o que nós vamos mostrar agora mesmo, neste artigo que trouxemos com as maiores expectativas que estão relacionadas ao evento da Lenovo.

Então se prepare para ficar ansioso pelo evento de quinta-feira e já comece a pensar em qual dos dois conceitos será mais adequado ao seu consumo nos próximos anos.

O convite para o evento

Moto Z: o aparelho modular

Até pouco tempo atrás, a ideia de um aparelho celular com módulos destacáveis parecia absurda e completamente irreal. Consumidores de todo o mundo tinham dificuldades em imaginar que um dia seria possível trocar peças de portáteis para melhorar uma ou outra funcionalidade do dispositivo. Eis que surgiu o Project Ara para renovar conceitos e mais tarde o LG G5 trouxe isso para o mundo real.

Possíveis tampas traseiras sem módulos

Agora, quem também deve lançar um dispositivo modular é a Motorola — sob chancela da Lenovo, é claro. De acordo com rumores bem contundentes, a companhia vai estrear o novo Moto Z com peças destacáveis para ter uma série de funções acima da média do mercado. Com isso, os consumidores poderiam modificar seus aparelhos a fim de ter recursos de altíssimo nível a hora que quisessem.

Uma das grandes vantagens disso está nas possibilidades de portabilidade dos aparelhos. Apesar de os módulos tornarem os smartphones mais pesados, é possível utilizar apenas um por vez e isso acaba sendo compensado pelas vantagens na utilização — a menos que uma pessoa queira comprar e carregar todos os módulos durante todo o tempo, é claro.

MotoMods

De acordo com fotos já vazadas por fontes ligadas à Lenovo, os módulos do Moto Z devem mesmo se chamar MotoMods e vão garantir uma série de adições aos aparelhos — todos encaixados como novas tampas  traseiras para os celulares. Até o momento, espera-se que seis tipos diferentes de módulos sejam anunciados no evento desta semana: Pro Camera, Adventure, Theater, Stereo, Power e Style.

Seriam estes os MotoMods?

Ainda não sabemos o que significará cada um destes nomes, mas há algumas dicas que podem ser tiradas deles. O "Pro Camera", por exemplo, deve ser um sistema de lentes mais avançadas para fotografias; já o "Power Mod" certamente traz maior capacidade de bateria. Além disso, há a suspeita de que o "Theater Mod" traga um projetor integrado e o "Stereo Mod" amplie as capacidades de som do dispositivo.

Dois modelos?

Um rumor mais recente lançado neste final de semana nos leva a entender que teremos dois modelos dos novos Moto Z. De acordo com as fontes, eles vão realmente substituir o Moto X, sendo batizados de Moto Z Style e Moto Z Play — sendo que as diferenças entre os dois modelos vão ser bem evidentes.

Enquanto o Moto Z Style deve chegar às lojas com tela Quad HD, 32 GB de armazenamento, processador Snapdragon 820 e até 4 GB de RAM, o Moto Z Play deve ter tela Full HD, 16 GB de armazenamento, 2 GB de RAM e processador Snapdragon 616.

Project Tango

Esta é uma expectativa que vem acompanhada de muita curiosidade. A própria Lenovo já confirmou que vai apresentar o primeiro aparelho com Project Tango do mercado durante o evento: "Em parceria com a Google, vamos lançar o primeiro smartphone do mundo voltado ao mercado com Project Tango. Ele traz a realidade aumentada para o seu celular, incluindo jogos, navegação e outras capacidades. Este dispositivo vai fornecer uma maneira totalmente nova de 'experimentar' o mundo.”.

Project Tango

O aparelho deve contar com câmeras e funcionalidades capazes de criar ambientes 3D no próprio smartphone, fazendo com que seja possível interagir virtualmente com cenários reais. Como já dissemos aqui no TecMundo: “Seria possível até mesmo visualizar como uma geladeira ficaria na sua cozinha, caso estivesse atrás de uma”.

Não há grandes detalhes sobre o hardware do smartphone até o momento, mas há grandes chances de que ele chegue às lojas com tela de 6,5 polegadas, processador de alto nível e pelo menos 3 GB de memória RAM, além de sensores e câmeras especiais para aproveitar o melhor do Tango.

O que mais deve aparecer?

Além dos grandes anúncios que vão trazer novos conceitos ao mercado, a Lenovo deve mostrar algumas inovações que está preparando para os próximos anos. Ainda não sabemos se veremos novos aparelhos para os mercados intermediário e de entrada ou se teremos a adição de novos wearables ao portfólio da companhia.

Outras possibilidades estão ligadas ao mercado de computadores — apesar de que não há grandes chances de que vejamos verdadeiras inovações neste segmento. Certeza mesmo só teremos na quinta-feira. Já está ansioso pelas possibilidades?

......

O que você mais espera para o evento da Lenovo?

Cupons de desconto TecMundo: