A quarta geração do smartphone mais vendido da história da Motorola já chegou e trouxe algumas novidades bem interessantes para uma linha que conquistou o público em todo o mundo – especialmente no Brasil. O novo Moto G4 veio para tentar restabelecer a hegemonia da empresa, que perdeu espaço no segmento de dispositivos intermediários nos últimos anos para fabricantes como Samsung, ASUS e LG.

Nessa nova geração, a estratégia da Motorola foi dividir a linha Moto G em três aparelhos, cada um mirando em um nível de preço: o Moto G4 Play, o Moto G4 e o Moto G4 Plus. Neste artigo – e no vídeo acima –, vamos apenas fazer a análise da versão Plus dessa família, um smartphone que traz como destaques o sensor de impressões digitais e a câmera de 16 megapixels com detecção faseada e foco laser.

Será que vale a pena apostar no Moto G4 Plus? Descubra isso e muito mais nesta análise do TecMundo.

O smartphone Motorola Moto G4 Plus foi adquirido pelo TecMundo para a realização desta análise.

Especificações técnicas do Motorola Moto G4 Plus

Especificações técnicas

  • Sistema operacional: Android 6.0.1 (Marshmallow)
  • Tela: LCD IPS de 5,5 polegadas
  • Resolução de tela: 1920x1080 pixels (Full HD)
  • Densidade de pixels: 401 ppi
  • Chipset: Qualcomm Snapdragon 617
  • CPU: Quad-core de 1,5 GHz + quad-core de 1,2 GHz
  • GPU: Adreno 405
  • Memória RAM: 2 GB
  • Armazenamento interno: 32 GB
  • Armazenamento externo: cartão micro SD até 128 GB
  • Câmera traseira: 16 MP
  • Câmera frontal: 5 MP
  • Bateria: 3.000 mAh
  • Conectividade: micro USB 2.0, WiFi 802.11 a/b/g/n, WiFi Direct, hotspot, Bluetooth (4.1, A2DP, LE), GPS (A-GPS, GLONASS, BDS)
  • Sensores: acelerômetro, giroscópio, leitor de digitais e proximidade
  • Altura: 152 mm
  • Largura: 76,6 mm
  • Espessura: 9,8 mm
  • Peso: 155 gramas
  • Preço de lançamento: R$ 1.499

Motorola Moto G4 Plus

Design

O aumento no tamanho do display – que foi de 5" para 5,5" – resultou em um crescimento considerável das dimensões do novo smartphone da Motorola. Porém, ele ficou um pouco mais fino e manteve o mesmo peso de seu antecessor, o Moto G de terceira geração.

Na parte da frente, a novidade do Moto G4 Plus é a presença de um sensor para a leitura de impressões digitais. A pequena área sensível aos dedos se parece muito com um botão, mas não pode ser pressionado. Esse pequeno detalhe acaba prejudicando a harmonia do visual, especialmente se levarmos em conta a presença dos botões virtuais que são usados pelo Android.

O Moto G4 Plus ficou um pouco mais fino e manteve o mesmo peso de seu antecessor

Na parte de trás, encontramos uma nova forma de organização para os componentes da câmera, que agora contam com dois pequenos sensores para detecção faseada e foco laser. A tampa, ainda removível, traz uma nova textura que causa uma boa impressão ao segurarmos o aparelho.

Embora seja bem grandalhão – são 152 mm de altura e 76,6 mm de largura –, o Moto G4 Plus oferece uma boa pegada e é fácil acessar todos os seus botões e os cantos da tela. Porém, uma característica que pode desagradar alguns consumidores é a ausência da resistência a água. Dessa vez, a Motorola revolveu equipar o Moto G4 Plus apenas com uma camada de nanorrevestimento que o protege da exposição moderada a líquidos. Portanto, nada de mergulhar com o seu smartphone.

Motorola Moto G4 Plus

Da mesma forma que o Moto G de terceira geração, o Moto G4 Plus pode ser totalmente customizado através do Moto Maker, com a possibilidade de alterar a cor de vários detalhes, adicionar marcação e saudação, além de incluir uma capa com outra coloração para personalizá-lo.

Tela

Além do aumento de meia polegada, o novo Moto G conta com um display com resolução Full HD, uma bela evolução de considerarmos a resolução HD nos smartphones anteriores. O resultado disso são imagens mais nítidas, o que proporciona uma melhor experiência visual para visualização de vídeos, fotos e utilização de aplicativos que abusam dos gráficos, como games.

O novo Moto G4 Plus conta com um display com resolução Full HD

A tela grande pode desagradar quem procura um aparelho mais compacto, mas é ideal para aqueles que consomem muito conteúdo no smartphone. A manutenção da tecnologia LCD IPS não trouxe melhorias significativas com relação à qualidade do display quando comparado ao antecessor. O brilho não parece ser mais intenso e o contraste de cores também não melhorou.

Motorola Moto G4 Plus

Interface

A Motorola sempre se destacou por apostar na versão pura do Android para equipar os seus smartphones, como as linhas Moto X, Moto E e a própria Moto G. O resultado disso é uma experiência fluida e a garantia de atualizações mais rápidas. Para a alegria daqueles que adquirirem um Moto G4 Plus, a fabricante já prometeu atualização até a versão Android O do sistema operacional.

A Motorola já prometeu atualização até a versão Android O

O novo aparelho da Motorola ainda traz alguns truques úteis incluídos pela fabricante. Esse é o caso do Moto Ações e do Moto Tela, recursos que estão disponíveis nos modelos mais atuais da marca. Com essas funcionalidades, é possível ativar alguns comandos por gestos, além de visualizar informações na tela sem desbloquear o smartphone.

Desempenho

Equipado com uma CPU de oito núcleos (quad-core de 1,5 GHz + quad-core de 1,2 GHz), o Moto G4 Plus dá conta do recado quando o assunto é performance . Com a ajuda do processador gráfico, ele é capaz de rodar jogos e qualquer aplicativo com muita qualidade.

Não tivemos problemas para rodar games pesados, e a memória RAM conseguiu gerenciar muito bem os vários apps abertos de forma simultânea. O Moto G4 Plus vem equipado com 32 GB de armazenamento interno, o que é mais do que suficiente para instalar vários jogos e aplicativos.

Essa capacidade ainda pode ser expandida com cartão micro SD de até 128 GB. O novo smartphone da Motorola também conta com a funcionalidade do Dual Chip inteligente, que escolhe automaticamente um chip para as ligações. Vale ressaltar que no mercado internacional o Moto G4 Plus vai ter variantes com 3 GB e até 4 GB de memória RAM, versões que não vão chegar por aqui. Mais detalhes nesta matéria.

Resultados de benchmark do AnTuTu Benchmark (v6.1.4)

Resultados de benchmark do 3DMark

Resultados de benchmark com o Vellamo Mobile Benchmark

Resultados de benchmark com o PCMark

Sensor de digitais

O maior destaque do Moto G4 Plus é a presença de um leitor de digitais, uma novidade nos modelos da Motorola. Assim, é muito fácil desbloquear o aparelho dispensando totalmente a necessidade de digitar senhas sempre.

A autenticação biométrica é praticamente instantânea, sendo possível adicionar até cinco impressões digitais. Essa é uma adição muito bem-vinda para a linha mais popular da Motorola, a qual por enquanto só está presente no Moto G4 Plus.

Motorola Moto G4 Plus

Câmera

O Moto G4 Plus é a prova de que a Motorola tem investido pesado na câmera de seus smartphones. O primeiro destaque vai para software, que agora conta com um competente modo manual. Outros pontos que chamam atenção são a detecção faseada e o foco laser, mecanismos que permitem disparos super-rápidos. No geral, as imagens capturadas com o Moto G4 Plus apresentam boa qualidade, com destaque para o modo HDR e fotos registradas em boas condições.

Modo manual do Motorola Moto G4 Plus

O que não agradou foi o flash, que deixou as fotos um pouco amareladas. Imagens com pouca iluminação também apresentaram bastante ruído. A Motorola entregou uma câmera muito eficiente no Moto G Plus, capaz de rivalizar até mesmo com smartphones top de linha. Já a câmera para selfies não surpreende na qualidade, oferecendo fotos medianas em todas as condições. A vantagem é poder contar com um grande ângulo de abertura para enquadrar todo mundo na selfie.

Bateria

A capacidade de bateria do Moto G Plus recebeu um belo upgrade com relação à do antecessor. Porém, isso foi necessário para compensar as melhorias implementadas, o que acabou resultando em uma autonomia muito semelhante à de seu antecessor. Sob uso moderado, o Moto G Plus aguenta quase um dia inteiro.

No teste de estresse, esse valor cai para umas 6 horas, o que o coloca na média da categoria. O destaque vai para o carregamento rápido, que consegue oferecer várias horas de uso com apenas alguns minutos na tomada.

Teste do carregamento rápido

  • 15 minutos = 22%
  • 30 minutos = 45%
  • 1 hora e 46 minutos = 100%

Motorola Moto G4 Plus

Áudio

Embora ainda aposte em uma saída mono, o novo smartphone da Motorola consegue entregar um áudio de qualidade. O som é alto e equilibrado, uma boa pedida para quem quer curtir vídeos e músicas com o aparelho. O fone de ouvido ainda é o mesmo das gerações passadas, um acessório simples e que não oferece uma boa experiência sonora.

Motorola Moto G4 Plus

Vale a pena?

A nova geração do Moto G traz recursos interessantes e comprova que a linha está subindo de nível. A presença de um sensor de impressões digitais e de uma câmera de melhor qualidade capaz de rivalizar com aparelhos top de linha é a prova disso. O preço de lançamento do Moto G Plus – R$ 1.499 –, o mesmo praticado pelo Moto X Play, é outro argumento que reforça que a Motorola não está mirando apenas no consumidor médio.

Porém, essa não é exatamente uma boa notícia. Desde a chegada da terceira geração do Moto G, os consumidores sentiram que a linha estava perdendo a sua identidade de aparelho com um bom custo-benefício, o que desagradou a muitos. O Moto G4 Plus, infelizmente, reforça esse ponto negativo, jogando a responsabilidade para os outros integrantes da nova família – o Moto G4 e o Moto G4 Play.

Apesar disso, vale ressaltar que o smartphone traz recursos que justificam o seu preço, mas deve desagradar aqueles que buscam o custo-benefício acima de tudo. É exatamente por isso que a Motorola lançou as outras duas versões do Moto G, que devem atender aos consumidores que querem economizar um pouco. Se você está buscando a melhor experiência possível para essa linha, o Moto G4 Plus com certeza é a opção mais interessante.

Cupons de desconto TecMundo: