NASA realizará testes de alta voltagem em seu avião 100% elétrico

1 min de leitura
Imagem de: NASA realizará testes de alta voltagem em seu avião 100% elétrico
Imagem: Lauren Hughes/NASA
Avatar do autor

A NASA anunciou na quinta-feira (25) que está se preparando para realizar um teste funcional de alta voltagem em sua aeronave experimental X-57 Maxwell, um avião totalmente elétrico que está sendo desenvolvido para demonstrar tecnologia de redução de combustível, emissões e ruído.

Realizado em sequência ao teste de vibração de solo (GVT) e do controlador do motor de cruzeiro (piloto automático), o ensaio irá avaliar a aplicabilidade de baterias de alta tensão para o sistema de propulsão elétrico do avião, e será realizado no Armstrong Flight Research Center da NASA, na comunidade californiana de Edwards nos EUA.

A conclusão da fase de testes de solo é fundamental para o projeto, pois marca a transição do estágio de avaliação de componentes e protótipos para a etapa de operação real do veículo como aeronave integrada, que inclui testes de táxi e o primeiro voo.

Fonte: NASA/ReproduçãoFonte: NASA/ReproduçãoFonte:  NASA 

Os testes elétricos do X-57

Na sequência de diversos testes estruturais de solo, o X-57, atualmente em sua primeira configuração como aeronave elétrica chamada de Mod II, utilizará um sistema de suporte de bateria, que permitirá aos engenheiros verificar as sequência de inicialização, desligamento e o novo software de controle do motor.

Este software foi reprojetado recentemente, junto com outros componentes críticos, pela empresa Empirical Systems Aerospace (ESAero), com base em testes realizados anteriormente. Esta empresa, sediada em San Luis Obispo, também na Califórnia, é a contratante principal do projeto.

Antes realizados em baixa potência, os novos testes incluirão a operação da aeronave com capacidade máxima. O primeiro par de motores elétricos de cruzeiro do X-57, fabricados pela ESAero, serão alimentados e ativados, permitindo que o giro das hélices funcione conforme o projetado.

O que está em jogo nos investimentos da NASA na aviação civil é um sistema chamado Propulsão Eletrificada para Aeronaves (EAP), que a agência aeroespacial pretende disponibilizar aos grandes players da aviação mundial até 2035, após utilizá-lo em aviões menores e de baixa autonomia.

Fontes

NASA realizará testes de alta voltagem em seu avião 100% elétrico