Alitalia faz 1º voo com 100% dos viajantes testados para covid-19

1 min de leitura
Imagem de: Alitalia faz 1º voo com 100% dos viajantes testados para covid-19
Imagem: Alitalia/Divulgação
Avatar do autor

Nesta quarta-feira (9), a Alitalia realizou seu primeiro voo com 100% dos passageiros testados para covid-19 entre as cidades de Nova York (Estados Unidos) e Roma (Itália). A iniciativa de embarcar apenas pessoas vacinadas ou que comprovem não ter a doença pode se tornar uma tendência entre as companhias aéreas em breve.

De acordo com a empresa, todos os cerca de 100 passageiros do voo AZ609 testaram negativo para o novo coronavírus. Dessa forma, ao desembarcarem no Aeroporto de Fiumicino, eles não precisaram se submeter à quarentena obrigatória para os viajantes que chegam à Itália.

Serão três voos semanais entre Nova York e Roma oferecidos pela Alitalia com esse sistema de viagem. Para embarcar na cidade americana, os passageiros precisam apresentar resultado de teste que comprove a negatividade para a covid-19, feito 48 horas antes da partida, ou realizar a testagem no próprio Aeroporto JFK.

Os passageiros são obrigados a trocar as máscaras a cada quatro horas.Os passageiros são obrigados a trocar as máscaras a cada quatro horas.Fonte:  Unsplash 

Chegando à capital italiana, o viajante oriundo dos EUA é solicitado a fazer um novo teste de antígeno, sendo então liberado caso dê negativo mais uma vez. Conforme a empresa, a dupla verificação é necessária para escapar da quarentena obrigatória ao entrar no território italiano.

Cuidados durante o voo

Além de todas as exigências em relação à testagem, os voos “covid free” da Alitalia seguem o protocolo de viagem definido pelo Ministério da Saúde italiano. Uma das determinações é o uso obrigatório de máscara cirúrgica, que deve ser trocada a cada quatro horas (elas são fornecidas pela empresa).

Os passageiros também precisam preencher uma autocertificação antes do embarque, atestando não ter tido contato próximo com pessoas infectadas pelo novo coronavírus. Já as aeronaves devem ser higienizadas diariamente, seguindo padrões de segurança elevados.

Essa iniciativa está em fase experimental, para avaliação da eficácia e da funcionalidade do novo modo de viagem. A companhia pretende torná-lo amplamente disponível na temporada de verão 2021.

Alitalia faz 1º voo com 100% dos viajantes testados para covid-19