Audi deixa Fórmula E e constrói carro elétrico para Rali Dakar

1 min de leitura
Imagem de: Audi deixa Fórmula E e constrói carro elétrico para Rali Dakar
Imagem: Audi
Avatar do autor

A montadora alemã Audi confirmou nesta segunda-feira (30) que vai deixar a disputa da Fórmula E, a categoria automobilística para veículos elétricos, após o encerramento da temporada 2020/2021.

A companhia é uma das mais bem sucedidas na modalidade, com um título de piloto (2017) e outro de equipe (2018), 12 vitórias e 43 presenças no pódio em seis anos de competição.

O brasileiro Lucas di Grassi é um dos pilotos da equipe da Audi na Formula E, além de Daniel Abt. Apesar de deixar de colocar os veículos na pista, a montadora vai manter a parceria com a Envision Virgin Racing até 2022 e continua o desenvolvimento de um novo trem de força.

Futuro já definido

Os esforços da empresa no setor serão direcionados a outra competição: o Rali Dakar 2022. Nele, a Audi deve apresentar um novo protótipo conceitual de veículo elétrico, capaz de rodar em condições extremas de temperatura e terreno, com uma bateria de alta voltagem e um conversor de energia — que, se aprovado nas corridas, pode ser reaproveitado de outras formas, como em modelos comerciais de automóveis da empresa.

O modelo da Audi para a nova competição ainda não foi revelado.O modelo da Audi para a nova competição ainda não foi revelado.Fonte:  Audi 

A Audi ainda confirmou que vai manter o fornecimento de modelos personalizados para equipes parceiras a partir de veículos do seu próprio catálogo, além de entrar em outras corridas com protótipos, incluindo nas 24 Horas de Le Mans e nas 24 Horas de Daytona.

Fontes

Audi deixa Fórmula E e constrói carro elétrico para Rali Dakar