Precept: conceito elétrico da Polester foca em sustentabilidade

1 min de leitura
Imagem de: Precept: conceito elétrico da Polester foca em sustentabilidade
Avatar do autor

Antes de colocar seu primeiro carro elétrico no mercado, a Polester vai levar o Precept para exibição no Salão Internacional do Automóvel, em Genebra, na Suíça, a partir do dia 5 março. O carro é um conceito de sedan elétrico com design moderno e futurista, como geralmente eles são, mas esse traz uma ideologia com foco na sustentabilidade.

Alta tecnologia e segurança

O Precept possui um assistente de direção do tipo LiDAR, localizado acima do para-brisa. O dispositivo ajuda o motorista a detectar outros veículos e obstáculos na pista, mesmo em condições de baixa visibilidade.

Fonte: Polestar/Divulgação

O teto de vidro se estende até a parte posterior do carro, mas o vidro traseiro tradicional foi retirado, assim como os espelhos retrovisores. Em compensação, ele possui câmeras que auxiliam o motorista a ver o que se passa atrás do veículo.

Para uma direção ainda mais segura e confortável, o carro traz duas telas: uma de 12,5”, dedicada ao motorista, e outra de 15”, que fica ao centro do painel. Essa última possui uma nova interface Android, é compatível com o Google Assistente e permite assistir vídeos. Ele ainda usa sensores de rastreamento ocular e proximidade: dessa forma, o dispositivo pode identificar se o motorista está mantendo a atenção na direção, além de maximizar os controles na tela sensível ao toque quando percebe uma mão se aproximando.

Fonte: Polestar/Divulgação

Um carro ecológico

Além do motor elétrico, o Precept vai além quando se fala em sustentabilidade. Os assentos, apoios de cabeça e tapetes são feitos com materiais reciclados, como garrafas plásticas de malha 3D, vinil de cortiça e redes de pesca.

Os painéis internos e os encostos dos bancos são feitos de um composto à base de linho, que possui 80% menos resíduos plásticos e tem metade do peso dos painéis comuns.

Fonte: Polestar/Divulgação

Versão “para as ruas” sofreria alterações

Como quase todo conceito, o carro da Polestar traz ideias de design e recursos que nem sempre se adequam ao uso prático. Em vários países, para poder ser comercializado, ele teria que incluir o vidro traseiro e os espelhos retrovisores.

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Precept: conceito elétrico da Polester foca em sustentabilidade