Grow irá recolher patinetes elétricos de 14 cidades brasileiras

1 min de leitura
Imagem de: Grow irá recolher patinetes elétricos de 14 cidades brasileiras
Avatar do autor

A Grow anunciou nesta quarta-feira (22) que vai recolher seus patinetes de 14 cidades brasileiras. As bikes da startup também irão deixar de circular pelo país, pelo menos por enquanto, até que a empresa faça uma verificação de suas condições.

Essas duas medidas são parte de um ajuste operacional na reestruturação pela qual a empresa está passando. Procurado parcerias públicas e privadas, a Grow declarou que o objetivo é continuar "prestando serviços de forma estável, eficiente e segura".

Com a fusão de duas companhias de patinetes elétricos, Grin (México) e Yellow (Brasil), surgiu a Grow em janeiro de 2019. A empresa, presente em mais de sete países, declarou que está buscando expandir suas operações, e a renovação seria uma das etapas para alcançar esse objetivo.

(Fonte: Jornal Vicentino/Reprodução)

"Planejar essa reestruturação nos colocou diante de decisões difíceis, porém necessárias para aperfeiçoar a oferta de nossos serviços e consolidar a nossa atuação na América Latina", explicou o presidente-executivo Jonathan Lewy.

As cidades afetadas pela decisão serão Belo Horizonte (MG), Brasília (DF), Campinas (SP), Florianópolis (SC), Goiânia (GO), Guarapari (ES), Porto Alegre (RS), Santos (SP), São Vicente (SP), São José dos Campos (SP), São José (SC), Torres (RS), Vitória (ES) e Vila Velha (ES).

Segundo a própria empresa, os patinetes dessas cidades serão transferidos para Rio de Janeiro (RJ), São Paulo (SP) e Curitiba (PR), onde ficarão disponíveis normalmente para o uso.

Cupons de desconto TecMundo:

Fontes

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Grow irá recolher patinetes elétricos de 14 cidades brasileiras