Depois de uma série de rumores, mais provas surgem de que a Tesla pode realmente estar bem avançada com o seu plano de lançar seu próprio serviço de streaming de música. Ao explorar a última atualização de software liberada pela montadora, o site Electrek encontrou algumas coisas bem interessantes.

Uma linha de código revelou que, no novo cliente do o sistema da Tesla, existe uma aba com o nome de “TTunes”, que fica próxima a outras relacionadas a música, como streaming, radio e TuneIn. Isso reforça informações recentes de que a empresa havia se reunido com algumas gravadoras para falar sobre licenças para o suposto serviço.

A Tesla disse, na ocasião, que estava só buscando atingir a felicidade máxima para os clientes. “Acreditamos que é importante ter uma experiência excepcional dentro do carro, então nossos clientes podem ouvir a música que eles quiserem da fonte que escolherem”, afirmou a companhia.

No entanto, a montadora de Fremont preferiu não se pronunciar a respeito da nova descoberta do TTunes.