O Royal Mail, serviço de correios do Reino Unido, vai começar a utilizar vans e pequenos caminhões elétricos construídas pela empresa Arrival para fazer as entregas – tudo em caráter de teste, por enquanto.

A autonomia dos veículos pode chegar a 160 quilômetros e eles virão em três versões, com diferentes capacidades de carga: serão 3,5 toneladas, 6 toneladas ou 7,5 toneladas, podendo carregar os mais variados tipos de pacotes.

“A Royal Mail está animada em colaborar com a Arrival e ser a pioneira na adoção de veículos comerciais grandes elétricos”, disse Paul Gatti, diretor de gestão de frota da companhia. “Nós colocaremos eles em atividade ao longo dos próximos meses e ver como eles se comportam com as demandas de coleta de correios de nossas plantas maiores”.

Gatti disse que veículos elétricos já foram testados antes, mas não com modelos desenhados do zero. A expectativa é que os novos caminhões de entrega contribuam substancialmente para a frota da Royal Mail, que já conta com 49 mil vans de entrega.

A alemã Deutsche Post já havia anunciado uma iniciativa parecida, assim como a UPS também vai utilizar vans abastecidas com combustível alternativo.