Não é só o governo sul-coreano que está se preparando para as Olimpíadas de Inverno de 2018, que vai acontecer em Pyeongchang: a Hyundai, uma das principais empresas do país, quer ter carros autônomos rodando até lá – o que pode ser um desafio, já que eles vão ter que se virar na neve, uma condição não muito favorável para esses sistemas de direção.

A montadora vai criar uma frota que será equipada com mapas em alta definição e que permitirão que os carros trafeguem com uma precisão até 10 centímetros e que ajudarão bastante a contornar a questão climática.

O trabalho de coleta de dados em 3D já começou e a Hyundai espera concluir o trabalho em breve, mapeando localizações, placas e outros sinais, além das características das estradas da região, como a largura e curvatura dos percursos.

A ideia é que, ao fim do processo, os veículos sejam capazes de trafegar com a direção em nível 4 na escala SAE, dispensando boa parte do esforço humano na condução. Eles deverão fazer o trajeto entre as cidades de Seul e Pyeongchang, além dos principais pontos onde as atividades devem acontecer.

O processo de mapeamento em alta definição da Hyundai já foi exibido no início do ano junto com os Ioniqs autônomos da marca que vem sendo testados.