Chaves em Acapulco: tudo sobre um dos episódios favoritos dos fãs

Imagem de: Chaves em Acapulco: tudo sobre um dos episódios favoritos dos fãs
Imagem: Televisa

O famoso seriado Chaves é bastante famoso entre o público brasileiro justamente por conta de diversos episódios icônicos que foram exibidos quase à exaustão desde os anos 1980 pelo SBT.

Por esse motivo, os personagens criados pelo mexicano Roberto Gómez Bolaños no início dos anos 1970 ganharam uma legião de fãs em nosso país, garantindo que seu legado continuasse vivo mesmo anos após a conclusão do seriado.

Alguns desses episódios icônicos consistem no que ficou conhecido como a Saga de Acapulco, dividida em três partes. A trama é bastante simples: depois que Chiquinha (Maria Antonieta de las Nieves) vence, inesperadamente, uma promoção com um produto capaz de limpar objetos de prata, ela e seu pai, o incrível Seu Madruga (Ramón Valdés), têm a chance de conhecer as praias de Acapulco, localizadas a pouco mais de 370 km da Cidade do México.

(Televisa/Reprodução)(Televisa/Reprodução)Fonte:  Televisa 

A partir desse ponto, a notícia se espalha rapidamente pela vizinhança e, com inveja, Dona Florinda (Florinda Meza), Quico (Carlos Villagrán) e o Professor Girafales (Ruben Aguirre) também decidem viajar.

E enquanto a Dona Clotilde — ou Bruxa do 71 — (interpretada por Angelines Fernández) acompanha Seu Madruga na viagem por gostar muito dele, o Senhor Barriga (Edgar Vivar) convida Chaves (Roberto Gómez Bolaños) para acompanhá-lo.

Dessa forma, todos os personagens saem da vila para curtir suas férias e viver grandes desventuras.

Quer saber mais sobre a Saga de Acapulco? Confira mais curiosidades logo abaixo!

Chaves em Acapulco: por que os fãs gostam tanto desses episódios?

A primeira parte desse bloco de episódios estreou na Televisa em 30 de maio de 1977. Logo, as partes seguintes foram exibidas em 6 e 13 de junho de 1977, respectivamente, tendo em vista que o seriado era exibido semanalmente na emissora durante aquela época.

Contudo, no Brasil, o público só conferiu Chaves e sua turma em Acapulco no ano de 1991, levando em consideração que a primeira parte estreou em 1988 e somente anos mais tarde é que o SBT apresentou o restante da saga para os espectadores.

A música "Boa Noite Vizinhança", cantada por Chaves no final da terceira parte, ficou bastante famosa e até hoje muitas pessoas acreditam que ela seria uma canção composta para se despedir do ator Carlos Villagrán, intérprete do Quico, que deixou o seriado em suas últimas temporadas.

Acontece que isso não é verdade, principalmente porque Villagrán só deixou a série no ano de 1979, enquanto a Saga de Acapulco foi exibida originalmente na metade da temporada de 1977.

(Televisa/Reprodução)(Televisa/Reprodução)Fonte:  Televisa 

De acordo com os registros oficiais da produção, durante a Saga de Acapulco, a equipe e o elenco passaram cerca de duas semanas filmando conteúdos para Chaves e também Chapolin Colorado, o seriado do herói mexicano de Bolaños.

O hotel em que eles ficaram hospedados autorizou as gravações, mas continuou funcionando normalmente em todos os dias. Portanto, se você reparar bem, vai notar que há muitos curiosos confusos com o que estaria acontecendo.

De modo interessante, esses outros hóspedes serviram como figurantes para o seriado. Pesquisas feitas por fãs apontam que ninguém atrapalhou os diálogos, sobretudo porque a maioria dos presentes eram estrangeiros e não conheciam a série em seus respectivos países.

O mesmo hotel que serviu como cenário para a Televisa nos anos 1970 continua em funcionamento até os dias atuais, mas com algumas pequenas mudanças.

Dublagem da Maga trocou Acapulco por Guarujá

A dublagem clássica de Chaves foi feita pelo Estúdio Maga, sendo comandada por Marcelo Gastaldi, que emprestou sua voz ao protagonista naquela época. No Brasil, quando o segundo episódio de Chaves em Acapulco foi exibido, os espectadores notaram que Acapulco tinha sido transformada, na dublagem, em Guarujá, cidade do litoral paulista.

Segundo Marcus Fornicola, responsável pela tradução da maioria dos episódios do seriado para o estúdio em questão durante esse período, em entrevista ao canal do Youtube "Vila do Chaves", a ideia era se aproximar do público brasileiro, que nunca teria ouvido falar da praia de Acapulco.

“Fui adaptando o texto de acordo com que era dito e eles [os produtores do estúdio] riam quando eu entregava as fitas. Eles gostavam muito das adaptações que eu fazia”, revelou.

Já assistiu a saga de Chaves em Acapulco? É um dos seus arcos favoritos também? Comente!