Fundação: 5 diferenças fundamentais entre a série e os livros de Asimov

Imagem de: Fundação: 5 diferenças fundamentais entre a série e os livros de Asimov
Imagem: (Fonte: Apple TV+/Reprodução)

ATENÇÃO: SPOILERS À FRENTE!

O Apple TV+ está levando às telas uma das mais clássicas e respeitadas obras do escritor Isaac Asimov, Fundação. A nova série chegou ao streaming no dia 24 de setembro — com a exibição dos dois primeiros episódios — sendo adaptada da saga de livros homônima, lançada originalmente em 1942.

O novo projeto Apple é bem ambicioso e previsto para se estender ao longo de 8 temporadas. No entanto, mesmo tendo como base uma grande obra literária, David S. Goyer, cocriador do show, revelou que adaptar os livros do escritor russo para as telas é um grande desafio.

(Fonte: Apple TV+/Reprodução)(Fonte: Apple TV+/Reprodução)Fonte:  Screenrant 

Com a ambição de se tornar uma série tão grandiosa quanto Game of Thrones, da HBO, Fundação precisou fazer algumas mudanças em relação aos livros, para que a história possa ser contada da melhor maneira possível na TV. A história original contada em Fundação se passa através de milênios e Goyer sabe do desafio em manter o público atraído pelo programa, tendo 8 temporadas praticamente antológicas, com mudança de elenco à cada nova temporada.

Ao contrário do que é apresentado na obra de Asimov, que tem o foco na história contada através dos anos, Goyer revelou que a série da Apple irá focar nos personagens.

Assim que a série estreou no streaming da Apple, os fãs já puderam notar algumas grandes diferenças dos livros para o seriado. Confira quais foram essas principais alterações:

5. A reformulação de vários personagens

(Fonte: Apple TV+/Reprodução)(Fonte: Apple TV+/Reprodução)Fonte:  Screenrant 

Um dos personagens centrais da série talvez tenha sido o que mais sofreu mudanças. No livro, Gaal Dornick é um homem, enquanto na série é interpretado pela atriz Lou Llobell. Além disso, no original, Gaal vem de um planeta bem mais desenvolvido e evoluído, tendo feito doutorado. Um background bem diferente do que o vimos na TV com o mundo aquático de Synnax.

Salvor Hardin foi outra personagem que teve mudança de sexo. Na série, Leah Harvey é quem dá vida à Guardiã de Terminus — outra mudança, já que nos livros Salvor era prefeita. Essa mudança de papel, de algo administrativo para uma base mais militar, faz com que a abordagem da personagem possa ser bem diferente na TV. Nos livros, Hardin era conhecido pela sua frase “a violência é o último refúgio do incompetente”, e na série a personagem tende a ter um papel mais voltado à ação.

Eto Demerzel também teve seu sexo trocado. Na série, a interpretação ficou a cargo da atriz Laura Birn. Essa é uma mudança importante no universo de Asimov. Nos livros, o autor fez uma grande alteração no personagem Eto, que é um robô, mudando seu nome para R Daneel Olivaw. Olivaw se tornou um dos protagonistas da série de livros “Robôs” e, com isso, o autor conectou seu universo de livros voltados à robótica com o universo de Fundação.

Raych Foss, interpretado por Alfred Enoch, é um personagem original da série. Seu nome é uma homenagem ao filho adotado por Hari Seldon nos livros. Em Forward The Foundation, Hari adota um jovem de 12 anos, chamado Raych (sem sobrenome). Raych, na série, acaba absorvendo algumas cenas de outros personagens dos livros.

4. As mudanças no Imperador

(Fonte: Apple TV+/Reprodução)(Fonte: Apple TV+/Reprodução)Fonte:  Screenrant 

Nos livros, Asimov não dava muita atenção para o desenvolvimento do Império. Goyer resolveu dar mais foco a essa parte da trama, trazendo mais protagonismo ao imperador Cleon I, apresentando uma espécie de "dinastia genética", com uma linhagem de clones de Cleon.

3. Os ataques a Trantor

(Fonte: Apple TV+/Reprodução)(Fonte: Apple TV+/Reprodução)Fonte:  Screenrant 

Trantor é uma cidade-planeta central para a história de Fundação — e também serviu como base para a criação de Coruscant, em Star Wars — e acaba sofrendo um ataque terrorista — que não existiu nos livros — na ponte ao redor do planeta. Esse ataque se mostra importante na adaptação, porque influencia o imperador a acreditar na previsão de Hari Seldon.

2. A morte de Hari Seldon

(Fonte: Apple TV+/Reprodução)(Fonte: Apple TV+/Reprodução)Fonte:  Screenrant 

Enquanto na série Hari Seldon foi brutalmente assassinado por Raych, nos livros, o personagem acaba vivendo até uma idade mais avançada, inclusive tendo deixado várias gravações holográficas para serem reproduzidas no futuro. Tudo o que pode acontecer decorrente do assassinato de Seldon também é original da série

1. As mudanças no Vault

(Fonte: Apple TV+/Reprodução)(Fonte: Apple TV+/Reprodução)Fonte:  Screenrant 

Nos romances de Asimov, o Vault está programado para abrir em determinados momentos da história, para transmitir o conhecimento necessário para que as crises sejam superadas. Na adaptação da Apple, o Vault possui um campo de força que mantém todos os seres vivos longe. Salvor Hardin acaba se mostrando resistente a esse campo de força, tornando sua trama ainda mais interessante.