Mestres do Universo: Salvando Eternia - fãs reclamam da trama da série

Imagem de: Mestres do Universo: Salvando Eternia - fãs reclamam da trama da série
Imagem: Netflix/Reprodução

ATENÇÃO: SPOILERS À FRENTE!

Nesta sexta-feira (23), a Netflix estreou a série animada Mestres do Universo: Salvando Eternia (Masters of the Universe: Revelation, no original). Entretanto, apesar das altas expectativas para o lançamento dos cinco primeiros episódios, muitos fãs da história original clássica utilizaram as redes sociais para reclamar da trama da produção.

Apresentando o herói He-Man em uma nova aventura, outros guerreiros mágicos também surgem na narrativa, além do retorno do vilão Esqueleto. Apesar de existirem diversas sequências de ação extremamente interessantes e frenéticas, há ainda alguns detalhes que não cativaram a audiência, especialmente o plot twist que dá tom à série

A verdade é que, na animação, o amado He-Man pouco aparece e tem uma participação muito breve, direcionando a história para outros pontos e personagens. Veja o que alguns fãs postaram nas redes sociais sobre a mudança na trama:

(Netflix/Reprodução)(Netflix/Reprodução)Fonte:  Netflix 

Mesmo seguindo com episódios surpreendentes e consistentes, os espectadores mais assíduos do desenho original notaram algumas falhas e utilizaram o site Rotten Tomatoes para dar suas notas à produção.

Segundo a plataforma, até a produção deste texto, a série teve apenas 27% de aprovação entre os usuários. No entanto, em contraponto a isso, os críticos que avaliaram o trabalho da Netflix somam 94% de aprovação, destacando algumas qualidades evidentes da 1ª temporada.

O que a crítica achou de Mestres do Universo: Salvando Eternia?

Contando com um elenco de peso, que inclui nomes como o de Mark Hamill, Lena Headey, Chris Wood, Susan Eisenberg, Tony Todd e Sarah Michelle Gellar, a série animada da Netflix teve boas avaliações entre profissionais especializados no ramo da crítica.

Entre todos aqueles que se propuseram a avaliar a produção, apenas dois dos textos linkados por meio do Rotten Tomatoes classificaram o título como ruim. Mike Cecchini, do Den of Geek, elogiou o trabalho da direção e dos dubladores, citando os aspectos sonoros como parte fundamental para a construção da narrativa.

(Netflix/Reprodução)(Netflix/Reprodução)Fonte:  Netflix 

Já Evan Valentine, do ComicBook, afirmou que a série consiste em uma carta de amor ao mundo de Eternia, ressaltando o comprometimento de Kevin Smith e de sua equipe em seu desenvolvimento. Para Morgan Jeffery, do Radio Times, os aspectos visuais que fazem referência à obra original são verdadeiramente emocionantes.

Já assistiu a Mestres do Universo: Salvando Eternia na Netflix? Não se esqueça de nos dizer o que achou da série por meio dos comentários!