Dicas de séries e filmes da semana: Oxigênio

Imagem de: Dicas de séries e filmes da semana: Oxigênio
Imagem: Netflix/Reprodução

A Netflix segue seu planejamento de lançar conteúdos novos todas as semanas e, dentre os destaques da vez, está o filme francês Oxigênio. Com uma proposta original e um final surpreendente, a produção conseguiu chamar a atenção de bastante gente nesse curto período. Por causa disso, ela está no quadro Dicas de série e filmes da semana.

Oxigênio é dirigido por Alexandre Aja, que tem trabalhos como Predadores Assassinos (2019), Amaldiçoado (2013), Espelhos do Medo (2008) e Piranha 3D (2010). Apesar de não ter ainda nenhum grande blockbuster, o francês começa a se destacar pela assinatura em filmes de suspense e de terror.

Já o protagonismo nas cenas está com a atriz Mélanie Laurent. Ela estrelou obras como Esquadrão 6 (2019), Truque de Mestre (2013) e Bastardos Inglórios (2009), no qual deu vida a Shosanna Dreyfus, provavelmente o seu papel mais conhecido até hoje.

Experiência claustrofóbica

O enredo do filme conta a história de Liz, uma jovem que acorda em um tanque de criogenia sem saber quem ela é ou como foi parar lá. Com o oxigênio terminando, ela precisa reconstituir suas lembranças para tentar sobreviver e sair do tanque.

Com essa trama, que mistura suspense, drama e ficção científica, as análises do filme são praticamente unânimes em apontar algo: Oxigênio é uma experiência bastante claustrofóbica. O longa-metragem praticamente todo se passa dentro dessa câmara criogênica, e a sensação de angústia da personagem principal acaba se tornando a própria sensação do telespectador.

Oxigênio

No meio dessa luta pela vida, Liz conversa com Milo, uma inteligência artificial que controla a máquina de congelamento. Para conseguir se lembrar da própria vida, Liz mantém o diálogo com Milo, que vai fornecer trechos da vida da protagonista (enquanto informa que a porcentagem de oxigênio está diminuindo).

Além das sensações, o filme consegue espelhar as experiências de descoberta da protagonista com quem está assistindo, fazendo uma empatia ser criada pela personagem. Toda essa expectativa é brindada com um final que tem sido considerado surpreendente por muita gente.

Quem vai curtir o filme Oxigênio?

Diferentemente dos outros casos de Dicas de séries e filmes da semana, desta vez é possível começar dizendo quem não vai curtir Oxigênio. Certamente, pessoas com claustrofobia ou quem tem aversão a ambientes fechados e se sentem mal na clausura não devem assistir à produção da Netflix.

Feito o disclaimer, o longa-metragem pode ser apreciado por quem gostou de experiências como Enterrado Vivo (2010), O Buraco (2001), Cubo (1997), Rua Cloverfield 10 (2016), Abismo do Medo (2005) e Demônio (2010).

Oxigênio

Todas essas são experiências que usam ambientes fechados como um recurso narrativo, tudo para que a pessoa que está assistindo tenha a sensação de que está junto dos personagens naquele local e que não há muita escapatória.

Do lado da ficção científica, quem gostou de produções como Gravidade (2013), Perdido em Marte (2015), Passageiros (2016) e Órbita 9 (2017) também pode se divertir e passar com tranquilidade os momentos de aperto e falta de ar em Oxigênio.

Já assistiu ou vai assistir a Oxigênio? Conte-nos!

Fontes

Dicas de séries e filmes da semana: Oxigênio