Falta menos de um mês para que a BUILD se inicie – o evento será realizado entre os dias 29 de abril e 1 de maio – quando a Microsoft deve apresentar as novidades do ano para os desenvolvedores de todo o mundo. E claro, a estrela da apresentação será o Windows 10. Mas existem muitas outras coisas importantes que a empresa está planejando apresentar juntamente com seu novo SO.

Uma delas é a convergência entre plataformas. Com o Windows 10, a Microsoft pretende unificar todos os dispositivos, incluindo desktops, notebooks, tablets, smartphones, o Xbox One e até o HoloLens, o vindouro óculos de realidade virtual da empresa.

Isso inclui a criação de uma loja única de aplicativos para todos os ambientes. Ou seja, os desenvolvedores terão a oportunidade de criar um programa apenas uma vez, vendo-o rodar em todos os dispositivos que estejam rodando o sistema operacional da Microsoft, o que é fantástico.

Por enquanto, essas são as únicas informações que podem ser consideradas como certas para a conferência. Mas isso não nos impede de especular o que a Microsoft pode estar preparando para anunciar durante o evento. Por isso, vamos a elas!

Windows 10 para smartphones

O Windows 10 para smartphones deve ser lançamento juntamente com toda a linha do SO no segundo semestre deste ano. Porém, seus avanços parece que não foram tão promissores quanto a versão para desktops .

Além de chegar muito mais tarde para os desenvolvedores que sua semelhante para PCs e tablets, a versão preview do Windows 10 para smartphones não demonstra uma grande evolução em relação à 8.1.  Parece que a empresa realizou apenas alguns ajustes para adequar a interface, fazendo melhorias pontuais.

Por isso, o evento pode ser uma oportunidade para a Microsoft dar mais atenção ao seu sistema operacional móvel, com mudanças aprendidas com a ajuda do feedback dos usuários desde que a versão preview foi lançada, em fevereiro.

Infelizmente, a empresa não deverá demonstrar nenhum aparelho da sua linha proprietária adquirida da Nokia. A imprensa internacional espera que isso aconteça apenas no segundo semestre do ano, quando o Windows finalmente for lançado.

Aplicativos universais

Como dissemos, a Microsoft vai unificar suas lojas de aplicativos, transformando-a em uma só. Isso é parte da estratégia de universalização dos aplicativos da empresa, de modo a facilitar o desenvolvimento de programas, aumentar a base de apps e também facilitar a vida dos usuários, que vão conferir um design unificado nas diversas plataformas.

A Microsoft realmente precisa investir pesado nesta área. Mesmo com todo o avanço e o crescimento da base de aplicativos, muitos deles ainda ficam de fora, sendo lançados quase sempre apenas para Android e iOS.

Por isso, esperamos que a empresa demonstre recursos da nova loja, além de facilidades para os desenvolvedores. Também, ela pode fazer uma demonstração maior dessa integração. Outra novidade pode ser uma integração realmente completa, com aplicativos selecionados idênticos (mas adaptados para cada interface) para computadores, smartphones, Xbox e HoloLens.

Xbox, HoloLens e mais

Com aplicativos unificados, será interessante verificar como a empresa pretende permitir que um aplicativo interaja em todas as plataformas de forma semelhante, desde um smartphone até o dispositivo de realidade virtual.

Todas essas plataformas com experiências completamente distintas e, com as ferramentas que serão disponibilizadas para os desenvolvedores, será interessante ver como essa integração funcionará na prática. Demonstrações podem estar presentes durante a Build 2015.

No momento, a Microsoft é a única que será capaz de demonstrar essa convergência entre um videogame, smartphone, computador, TV, notebook, tablet e óculos de realidade virtual. Por isso, o evento é uma ótima oportunidade de a empresa mostrar ainda mais do que nós estamos esperando para ver.

Cupons de desconto TecMundo: