(Fonte da imagem: Reprodução/Microsoft)

A Microsoft realmente não quer admitir a culpa de que a empresa ficou para trás no mundo dos smartphones. Em entrevista ao jornal alemão Der Spiegel, o diretor de desenvolvimento da empresa, Craig Mundie, afirmou que a Gigante dos Softwares teria muito mais tempo para “se concentrar no desenvolvimento e promoção de dispositivos móveis, tal como smartphones, se não fosse pelos criminosos cibernéticos intrometidos.

À publicação, Mundie afirmou que, durante o período em que a Apple estava desenvolvendo o iPhone, o Windows passou por um período difícil, em que a Microsoft se viu obrigada a deslocar uma quantidade enorme do foco da empresa para a engenharia de segurança.

“Há dez anos, a atividade criminosa no ciberespaço cresceu dramaticamente, e a Microsoft foi basicamente a única empresa que teve grandeza suficiente para ser um alvo. Em parte por causa disso, o Windows Vista levou muito tempo para nascer”, afirmou o executivo.

Erros estratégicos

Mundie também defendeu a visão da Microsoft a longo prazo e o pensamento estratégico ao longo da década passada. Ele também afirmou ao jornal que a empresa já tinha construído os mesmos tipos de produtos que agora são famosos na Apple, mas que eles não dedicaram recursos suficientes para eles.

Segundo ele, a Microsoft tinha um player de música antes do iPod e um dispositivo de toque antes do iPad, além do fato de que a empresa também estava presente no setor mobile. Por isso, o executivo diz que não foi por falta de visão que a empresa perdeu a posição de liderença.

"O problema é que nós simplesmente não concentramos esforços suficientes no desenvolvimento dos produtos. Além disso, enfrentamos alguns percalços que ocorreram no momento em que a Apple lançava o iPhone, nos deixando uma geração atrás", completou.

 Fonte: The Verge

Cupons de desconto TecMundo: