A demanda por software para gerenciar a cadeia de suprimentos de empresas está em alta. Somente em 2014, o índice de expansão do mercado para este segmento alcançou o valor impressionante de 12,2% de crescimento em relação ao no anterior, segundo pesquisa da Gartner. Este deve ser o maior índice de crescimento anual desde 2011.

Para Chad Eschinger, vice-presidente de pesquisas da Gartner, "o mercado de software para gerenciamento da cadeia de suprimentos (SCM) é flutuante" e "tanto a receita da execução e do planejamento da cadeia de suprimentos estão crescendo a uma taxa de dois dígitos em 2014".

Em uma pesquisa realizada pela Gartner no último trimestre de 2013 com 447 profissionais da área, ficou evidente que os maiores desafios das organizações estão em encontrar a ferramenta ideal para ajudá-las a identificar previsões imprecisas da demanda por produtos e a variabilidade de demanda. Estes dois problemas podem ser superados com iniciativas tecnológicas na área.

43% dos entrevistados pesquisados indicaram que, para lidar com o aumento da complexidade de integração de softwares capazes de gerenciar a cadeia de suprimentos, houve investimento em uma plataforma capaz de dar mais visibilidade para os processos internos. Com isso, a comunicação e colaboração dos compradores e fornecedores tornou-se mais eficiente ao longo de toda a cadeia.

Eschinger afirma ainda que "o uso de uma plataforma unificada é uma tendência e vai impulsionar ainda mais a venda de soluções assim que mais companhias aderirem a este tipo de estratégia". Até 2018, a Gartner estima que cerca de 70% das empresas vai investir em uma estratégia única para integrar seus sistemas e melhorar a visibilidade da cadeia de suprimentos. Portanto, se a sua empresa trabalha desenvolvendo softwares corporativos, vale a pena sondar este mercado que parece muito promissor nos próximos quatro anos.

Cupons de desconto TecMundo: