(Fonte da imagem: Reprodução/Wikimedia Commons)

O mercado internacional está cruel para as fabricantes de computadores. Das cinco principais empresas a atuarem em todo o mundo, apenas uma delas conseguiu melhorar seus índices no último trimestre em comparação ao mesmo período do ano passado. HP, Acer, Dell e ASUS apresentam baixas consideráveis (que chegam a 42,2%, no caso da Acer) e apenas a Lenovo apresentou melhorias nos resultados.

Para a análise, foram utilizados os mercados da Europa, do Oriente Médio e da África. Nesse cenário, a líder no segmento ainda é a Hewlett-Packard, que possui 19% do mercado. Na segunda colocação surge a Lenovo, com 13,4% do setor — tendo crescido 19% em relação ao segundo trimestre de 2012, quando possuía apenas 8,7% do mercado de computadores. Acer, Dell e ASUS perderam 42,2%, 9% e 38,5%, respectivamente.

(Fonte da imagem: Reprodução/BGR)

Todas as quedas acompanham as tendências do mercado de computadores, que teve uma redução total de 22,2% nas vendas de computadores. No segundo trimestre de 2012, 25 milhões de computadores foram vendidos nas regiões já mencionadas. No mesmo período deste ano, apenas 19,6 milhões de aparelhos saíram das lojas para as casas dos consumidores.

Cenário internacional

Recentemente, uma pesquisa internacional mostrou que a Lenovo estava conseguindo números cada vez melhores. Em um ranking publicado pelo instituto de análise de mercado IDC, a empresa chinesa já aparece na liderança — ultrapassando a HP no número total de computadores vendidos, com quase 300 mil unidades a mais em todo o planeta.

Um dos principais fatores que motivaram a queda nas vendas de computadores em todo o mundo é o progresso dos tablets no mercado. Mais portáteis e leves, eles roubaram o lugar de netbooks há alguns anos e agora também fazem com que os consumidores pensem duas vezes antes de partir para novos equipamentos mais pesados.

 

Cupons de desconto TecMundo: