Aparelhos produzidos no país recebem incentivos no governo. (Fonte da imagem: Reprodução/Canaltech)

O instituto IDC divulgou ontem uma pesquisa que revelou a queda dos preços de smartphones no Brasil em 12,5% no último ano. Comparando o primeiro trimestre de 2012 com o mesmo período deste ano, o preço médio dos aparelhos foi de US$ 439 (cerca de R$ 900) para US$ 384 (cerca de 790).

A queda nesses valores registrada pelo IDC é referente a um cálculo realizado antes de o governo federal ter deixado de cobrar dois impostos para telefones que custem até R$ 1,5 mil. Com isso, o IDC espera que os descontos sejam de até R$ 199, mas a média deve ficar em R$ 69.

Com essas reduções nos preços, é de se esperar que os smartphones se tornem ainda mais populares no país, superando ainda neste ano o número de vendas dos aparelhos mais simples, aqueles com sistemas operacionais extremamente básicos. Esses produtos, entretanto, mostraram um desempenho bem melhor no mercado no primeiro trimestre deste ano: foram 8,7 milhões de unidades vendidas, contra 5,3 milhões de smartphones.

O que anima a indústria dos smartphones é que, comparando os números do ano passado, os aparelhos mais simples perderam força, caindo 7% no número de vendas. Ao mesmo tempo em que isso acontecia, os smartphones apresentaram crescimento de 86%.

Cupons de desconto TecMundo: