Netflix: cancelamento entre assinantes antigos fica mais frequente

1 min de leitura
Imagem de: Netflix: cancelamento entre assinantes antigos fica mais frequente
Imagem: Shutterstock
Avatar do autor

A má fase da Netflix continua e novos detalhes sobre a situação da plataforma de streaming surgiram. Uma pesquisa da empresa de consultoria Antenna encomendada pelo site The Information mostra que, além de encarar uma perda recorde de usuários, a empresa está vendo um abandono cada vez maior de pessoas que já eram assinantes do serviço há bastante tempo.

De acordo com o relatório, no início de 2022, 5% do total de cancelamentos envolvia pessoas que assinavam a Netflix há três anos ou mais. Levando em conta todo o primeiro trimestre deste ano, o número subiu para 13%.

O gráfico com a taxa de cancelamentos da Netflix ao longo dos trimestres.O gráfico com a taxa de cancelamentos da Netflix ao longo dos trimestres.Fonte:  The Information 

A maior parcela de cancelamentos ainda é a de pessoas com menos de um ano de uso do serviço (60%). No trimestre, de acordo com a pesquisa, a Netflix teve 3,6 milhões de cancelamentos — uma taxa maior do que em anos anteriores.

Vale lembrar que, no último relatório financeiro, a companhia relatou um recorde na perda de assinantes e a perspectiva de perder ainda mais pessoas pagantes. Como resultado da desvalorização de ações, a Netflix perdeu valor de mercado e gerou preocupação a respeito do próprio futuro entre investidores e executivos.

News de tecnologia e negócios Deixe seu melhor e-mail e welcome to the jungle.