Compra do Kabum pelo Magazine Luiza é aprovada pelo Cade

1 min de leitura
Imagem de: Compra do Kabum pelo Magazine Luiza é aprovada pelo Cade
Imagem: Tarcisio Schnaider/Shutterstock
Avatar do autor

O Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) aprovou e publicou no Diário Oficial da União (DOU), nesta quinta-feira (21), a compra do Kabum pelo Magazine Luiza. Anunciada em julho, esta foi a maior aquisição do Magalu, que ultrapassou o valor de R$ 3 bilhões.

A aprovação do Cade foi assinada por Patrícia Alessandra Morita Sakowski, superintendente-geral substituta da entidade. A compra foi aprovada “sem restrições”.

“Como justificativa para a realização da operação, as requerentes explicaram que, com a aquisição do Kabum, o Magazine Luiza irá oferecer aos seus clientes, por meio de seus atuais canais de venda, uma nova variedade de produtos focados em itens de alta tecnologia, tais como computadores e periféricos gamer, além de monitores de alta resolução, componentes eletrônicos e outros artigos focados no público que busca artigos de tecnologia avançada”, diz trecho do parecer divulgado pelo Cade.

Magazine Luiza

Pelo lado da loja de produtos gamers, o parecer diz que a venda representa “uma nova fase, visto que seu portfólio de produtos será complementado pelos produtos do Magazine Luiza e seu nível de serviço será aperfeiçoado por meio da estrutura de entrega e atendimento do Magazine Luiza”.

Com o acordo, o Kabum irá utilizar os centros de distribuição do Magazine Luiza, que estão espalhados estrategicamente por diversas cidades do Brasil. Assim, a promessa é que as entregas serão mais rápidas e os fretes mais baratos.

Nos últimos anos, o Magazine Luiza já adquiriu mais de 20 empresas, entre elas marcas de mídia como o Jovem Nerd e o Canaltech.

News de tecnologia e negócios Deixe seu melhor e-mail e welcome to the jungle.