Amazon ganha forma de presentear pessoas sem precisar de endereço

1 min de leitura
Imagem de: Amazon ganha forma de presentear pessoas sem precisar de endereço
Imagem: Amazon
Avatar do autor

A loja virtual Amazon começou a operar uma nova modalidade de presentes. A partir de agora, será possível enviar itens vendidos no ecossistema da empresa mesmo que você não tenha o endereço do destinatário.

O novo sistema pede apenas que você insira uma forma de contato de quem vai receber o presente, seja um email ou número do telefone — algo que pode ser feito ao selecionar qualquer compra na loja como um presente.

Em seguida, essa pessoa é contatada por uma mensagem automática e direcionada a fazer o login ou se cadastrar na Amazon para adicionar as informações de entrega e receber o pacote.

Caso o destinatário não queira receber o presente, basta ignorar a mensagem da Amazon: depois de alguns dias, o pedido é cancelado e o comprador recebe o dinheiro de volta. Se você aceitar, ficará sabendo qual é o item antes de ele ser enviado e quem foi o remetente.

De acordo com a empresa, "milhões" de produtos vendidos pela empresa ou vendedores parceiros fazem parte do novo esquema de presentes. Por enquanto, a modalidade é válida somente para membros do serviço por assinatura Amazon Prime e está restrita ao território dos Estados Unidos. A liberação do formato ocorrerá "nas próximas semanas".

Possíveis problemas

Segundo o site The Verge, a ideia possui algumas brechas e limitações que podem gerar dor de cabeça para alguns usuários — embora a ideia seja válida, já que a exposição do endereço ou caixa postal na internet pode ser problemática em diversos casos.

Ao analisar as diretrizes da plataforma, a reportagem identificou que não é possível simplesmente escolher não ser notificado sobre esses presentes. Isso significa que trolls ou assediadores podem encher a caixa de emails ou mensagens SMS de alvos com presentes não solicitados ou insistir até que as compras sejam aceitas, por exemplo. Denúncias de spam ou abuso podem ser feitas, mas apenas dentro do serviço de atendimento ao consumidor da empresa.

Além disso, a necessidade de fazer os destinatários criarem uma conta na Amazon é uma boa estratégia para adicionar ainda mais cadastrados na base.

News de tecnologia e negócios Deixe seu melhor e-mail e welcome to the jungle.