Ethereum: corretoras possuem apenas 16% das moedas disponíveis

1 min de leitura
Imagem de: Ethereum: corretoras possuem apenas 16% das moedas disponíveis
Imagem: Pexels, Investimentos e Notícias
Avatar do autor

Após semanas de turbulência, os investidores do Ethereum (ETH), a principal criptomoeda alternativa ao Bitcoin, podem encarar um período de calmaria. Pelo menos é o que aponta os dados do site Santiment, revelando que apenas 16% do estoque total de ethers está sendo negociado em corretoras.

Para alguns especialistas, isto indica que os investidores não estão com tanta pressa para vender seus ETHs, o que também pode ser entendido como um sinal positivo para um novo período de alta. No entanto, é importante ressaltar que estes dados se referem apenas ao estoque de moedas em posse das corretoras centralizadas, desconsiderando as transações das famosas "corretoras descentralizadas" (DEX) e os mercados de NFT. Confira:

Relação entre o preço e oferta do Ethereum em corretoras centralizadas. (Fonte: Santiment / Reprodução)Relação entre o preço e oferta do Ethereum em corretoras centralizadas. (Fonte: Santiment / Reprodução)Fonte:  Santiment 

Apesar dos dados sinalizarem uma possível tendência de alta vindoura, ainda deve-se considerar outras evidências antes de confirmar o movimento altista. Um importante fator que costuma contribuir com o bom-humor dos mercados voláteis é o índice S&P500 — e sua eventual correlação com o Bitcoin.

Caso continue subindo, o índice sinalizará que o mercado de baixa ainda não está se aproximando e, assim, garantirá mais espaço para as ações e criptomoedas, no geral, também continuarem crescendo.

Atualmente, o Ethereum é negociado por cerca de US$ 2.800 e acompanha o Bitcoin em um lento movimento de queda de 30% em seu preço, que já dura 24 dias.

News de tecnologia e negócios Deixe seu melhor e-mail e welcome to the jungle.