Dona do 99, Didi tem aplicativo barrado na China após IPO nos EUA

1 min de leitura
Imagem de: Dona do 99, Didi tem aplicativo barrado na China após IPO nos EUA
Imagem: Didi Chuxing
Avatar do autor

A gigante Didi Chuxing, responsável por um popular app de transporte e caronas na China, recebeu uma punição de um órgão regulador de sua terra natal.

A Cyberspace Administration of China (CAC) determinou no último domingo (4) que o aplicativo de transporte da empresa seja removido das lojas de aplicativos em atuação no país — incluindo as prateleiras virtuais de Apple, Xiaomi e Huawei, que são algumas das líderes daquele mercado.

As investigações do CAC ocorreram rapidamente, no início de julho de 2021, e pedem a suspensão e remoção por "violações na coleta e uso de informações pessoais de usuários". Não há detalhes sobre exatamente quais foram as transgressões cometidas pela marca.

Em alta

A Didi, que é a dona da plataforma de transportes 99 no Brasil, realizou a oferta pública de ações (IPO) recentemente em Nova York. A companhia levantou US$ 4,4 bilhões com a comercialização de ações.

A mesma autoridade chinesa realizou em 2020 uma série de investigações contra a Alibaba, mais especificamente após o anúncio da IPO  do braço financeiro do grupo, o Ant Financial. Outras gigantes do setor ainda devem ser alvo de análises aprofundadas.

As atuais denúncias, além da Didi, afetam também o serviço local de caronas Zhipin.com e os apps de frete e carga Huochebang e Yunmanman, que também iniciaram expansões para os Estados Unidos.

O que diz a Didi

O impedimento de novos downloads não deve afetar os usuários já cadastrados, mas as novas regras do CAC impedem a criação de novas contas ou que o app seja baixado na China.

"A companhia vai se esforçar para corrigir qualquer problema, melhorar a prevenção contra riscos e capacidades tecnológicas, proteger privacidade e dados dos usuários e continuar fornecendo serviços seguros e convenientes aos clientes. A empresa espera que a suspensão do app tenha um impacto negativo na geração de receitas na China", diz o comunicado oficial da Didi.

News de tecnologia e negócios Deixe seu melhor e-mail e welcome to the jungle.