Google 'escondeu' opções de privacidade no Android, diz ação judicial

1 min de leitura
Imagem de: Google 'escondeu' opções de privacidade no Android, diz ação judicial
Imagem: Gadgets360
Avatar do autor

Documentos judiciais tornados públicos pela Procuradoria-Geral do Arizona, nos EUA, revelaram que o Google tentou convencer fabricantes de dispositivos Android a instalar configurações que dificultavam de forma deliberada o desligamento da coleta de dados de localização pelos usuários.

De acordo com a documentação, revelada na última semana pelo Business Insider, em um processo movido pelo estado do Arizona contra o Google, a gigante de Moutain View continuou coletando informações de usuários, mesmo depois que eles desligaram as configurações de rastreamento do aplicativo.

A coisa é tão séria que um ex-vice-presidente do Google Maps, Jack Menzel, admitiu em depoimento que a única maneira de o Google não conseguir saber o seu local de residência e de trabalho é se você informar dados falsos em seu cadastramento. Uma gerente de produtos, Jen Chai, responsável pelos serviços de localização, não sabia como as configurações realmente funcionavam.

Práticas duvidosas do Google

Fonte: Mark Lennihan/AP/ReproduçãoFonte: Mark Lennihan/AP/ReproduçãoFonte:  Mark Lennihan/AP Photo 

Os documentos judiciais mostram que o Google pressionou fabricantes de equipamentos, como a LG, para ocultar algumas configurações de privacidade facilmente encontradas no menu, "precisamente porque os usuários gostaram delas", escondendo-as em camadas mais profundas da interface do sistema operacional.

A ação movida pelo procurador-geral do Arizona, Mark Brnovich, alega que o Google se envolveu em "práticas duvidosas". Segundo o procurador, as coisas descobertas até agora são chocantes, confirmando "que o Google está fazendo tudo o que pode para espionar a todos que consegue, sem fornecer nenhum tipo de aviso para ninguém", disse ele ao canal FOX Business.

Em resposta, o Google disse ao The Verge que a ação do procurador-geral está sendo conduzida com alguns de seus principais concorrentes para, juntos, fazerem "de tudo para descaracterizar nossos serviços". O gigante das buscas jura que "sempre" incorporou recursos de privacidade em seus produtos e que deseja ansiosamente "esclarecer as coisas".

News de tecnologia e negócios Deixe seu melhor e-mail e welcome to the jungle.
Google 'escondeu' opções de privacidade no Android, diz ação judicial