Fornecedoras da Apple são acusadas de manter trabalho forçado na China

1 min de leitura
Imagem de: Fornecedoras da Apple são acusadas de manter trabalho forçado na China
Imagem: Bloomber/Reprodução
Avatar do autor

O The Information divulgou nesta segunda-feira (10) um relatório que acusa sete fornecedores da Apple de utilizar trabalho forçado. As fábricas foram acusadas de usar trabalhadores muçulmanos à força em suas instalações na China. A investigação foi realizada em conjunto com um grupo de direitos humanos.

A fábrica Advanced-Connectek — que fornece peças para os smartphones da marca há 10 anos — está localizada no deserto de Xinjiang, uma região muito habitada por muçulmanos conhecidos como uigures. A fábrica, segundo o relatório, é cercada por muros e conta com apenas uma entrada e saída. Ao lado, existe uma galpão utilizado como dormitório dos trabalhadores. "Quase nenhuma outra fábrica em Xinjiang tem essas características, exceto para parques industriais onde há mão de obra forçada", disse o pesquisador Nathan Ruser à matéria.

As fábricas citadas no relatório são: Luxshare Precision Industry, Shenzhen Deren Electronic Co., Avary Holding, AcBel Polytech, CN Innovations e Suzhou Dongshan Precision Manufacturing Co, além da Advanced-Connectek.

A Apple negou as acusações e afirmou que faz avaliações em todos os países parceiros. "Apesar das restrições da covid-19, realizamos investigações adicionais e não encontramos evidências de trabalho forçado em qualquer lugar em que operamos. Continuaremos fazendo todo o possível para proteger os trabalhadores e garantir que sejam tratados com dignidade e respeito", disse a empresa.

Histórico

Em dezembro do ano passado, a Lens Technology, uma das fornecedoras mais antigas da Maçã, também foi acusada de usar o trabalho de muçulmanos à força.

Além disso, em julho de 2020, a fornecedora O-Film foi acusada de se beneficiar de programas de trabalho forçado. No fim do ano, a Apple encerrou a parceria com a fábrica após constatar a prática.

News de tecnologia e negócios Deixe seu melhor e-mail e welcome to the jungle.
Fornecedoras da Apple são acusadas de manter trabalho forçado na China