33 milhões de brasileiros devem receber novo auxílio emergencial

1 min de leitura
Imagem de: 33 milhões de brasileiros devem receber novo auxílio emergencial
Imagem: Pixabay
Avatar do autor

O governo federal realizou um cruzamento em vários bancos de dados e definiu a quantidade de pessoas que devem receber novamente o auxílio emergencial. Após esse trabalho, foi definido que cerca de 33 milhões de brasileiros realmente precisarão das novas parcelas.

De acordo com o blog da Ana Flor, o governo utilizou 11 bases de dados para verificar quem está apto a receber o benefício: informações do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), INSS, MEI e outras fontes foram consultadas.

Como comparativo, mais de 65 milhões de pessoas receberam a primeira parcela do auxílio emergencial em abril do ano passado. Já a segunda parcela foi recebida por cerca de 57 milhões de brasileiros.

Auxílio emergencialEmpreendedores que ficaram sem renda na pandemia deverão receber o auxílio emergencial

Nesses 33 milhões de pessoas que poderão receber o benefício neste ano estão 14 milhões de famílias que integram o Bolsa Família.

Novas parcelas

O governo federal ainda não decidiu quantas parcelas e nem o valor da nova rodada do auxílio emergencial. Apesar disso, a estimativa é que os pagamentos sejam feitos entre três e quatro parcelas e que o valor possa começar em R$ 250.

Como o projeto precisa passar pelo Congresso, Executivo e Legislativo já começaram as conversas sobre a pauta. A expectativa é que antes de março a proposta já tenha sido aprovada, para que os pagamentos comecem já no início do mês.

News de tecnologia e negócios Deixei seu email aqui, e welcome to the Jungle.
33 milhões de brasileiros devem receber novo auxílio emergencial