CEO da Xiaomi quer saber: você pagaria R$ 8 mil em um celular?

1 min de leitura
Imagem de: CEO da Xiaomi quer saber: você pagaria R$ 8 mil em um celular?
Imagem: Xiaomi
Essa não é uma matéria patrocinada. Contudo, o TecMundo pode receber uma comissão das lojas, caso você faça uma compra.
Avatar do autor

O CEO e cofundador da Xiaomi, Lei Jun, fez um questionamento curioso em sua conta na rede social Weibo. O executivo perguntou ao público se topariam pagar um valor maior por um celular top de linha da fabricante.

Na publicação, Jun é direto: "se a Xiaomi lançasse um telefone móvel de ponta custando 10.000 yuan (US$ 1,5 mil ou pouco mais de R$ 8 mil), você compraria? Sinta-se livre para falar na seção de comentários".

Segundo o site Android Authority, essa pode ser uma preparação da Xiaomi para o lançamento do aguardado modelo dobrável da marca — que costuma ser mais caro do que um smartphone convencional top de linha e já foi exibido em forma de protótipo pela fabricante chinesa. Ele também pode se referir a algum lançamento da linha Mi Mix de aparelhos mais ousados visualmente.

Mudando de patamar

Essa não é a primeira vez que o executivo fala sobre ampliar os preços da marca ou lançar celulares mais poderosos. Em 2019, ele já sugeriu que gostaria de deixar de lado a reputação de que os aparelhos são baratos demais. As submarcas independentes Redmi e Poco são mais utilizadas atualmente para abrigar modelos de menor custo.

News de tecnologia e negócios Deixe seu melhor e-mail e welcome to the jungle.