Facebook e Google podem perder US$ 44 bilhões devido à Covid-19

1 min de leitura
Imagem de: Facebook e Google podem perder US$ 44 bilhões devido à Covid-19
Fonte: PCWorld Albanian
Essa não é uma matéria patrocinada. Contudo, o TecMundo pode receber uma comissão das lojas, caso você faça uma compra.
Avatar do autor

Os impactos gerados pela atual pandemia de Covid-19 têm, com o passar dos dias, cada vez mais facetas. No cenário atual, diversas empresas estão sofrendo com as consequências econômicas e sociais geradas pela doença. Estima-se que Facebook e Google, por exemplo, percam mais de US$ 44 bilhões em anúncios.

O foco das pessoas e dos governos está voltado para o controle da pandemia. Dessa forma, faz sentido que algumas companhias enfrentem quedas em seus lucros e até fiquem no vermelho por um tempo, sobretudo com a população ficando em isolamento em casa.

Anúncios que há até poucas semanas agradavam agora não têm mais coerência, e várias marcas começam a pensar em outras formas de se comunicar com o público. A Ford, por exemplo, inseriu em seus comerciais frases como "Nós estamos com você — agora e nos melhores dias que virão".

Fonte:  Mercado Binário 

Estimativas para Google e Facebook

Empresas que vendem espaço para anúncios em seus sites, como Google e Facebook, estão sofrendo. Uma equipe de análise do banco de investimentos Cowen Inc. analisou a atual situação dessas companhias e, de acordo com a estimativa, as duas empresas juntas devem perder US$ 44 bilhões investidos em publicidade só neste ano.

A receita líquida total da Google deve atingir US$ 127,5 bilhões, o que representa queda de US$ 28,6 bilhões (18%) em comparação com a última previsão feita pelo Cowen Inc. O Facebook, por sua vez, deve ter receita publicitária de US$ 67,8 bilhões neste ano — US$ 15,7 bilhões a menos em relação à estimativa anterior.

A equipe afirmou que, apesar do prejuízo, ambas vão permanecer altamente lucrativas. Considerando o volume total de mensagens, por exemplo, o uso do Facebook teve aumento de 50% no último mês em países mais afetados pelo vírus.

Em 2021, o ramo da publicidade deverá melhorar. O Facebook, segundo especialistas, deve se recuperar já no ano que vem, com crescimento esperado de 23%, resultando em US$ 83 bilhões de receita líquida.

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Facebook e Google podem perder US$ 44 bilhões devido à Covid-19