Huawei demite centenas de funcionários nos EUA

1 min de leitura
Imagem de: Huawei demite centenas de funcionários nos EUA
Avatar do autor

Nesta segunda-feira (22), a Huawei deu início às demissões de funcionários da Futurewei Technologies, braço de pesquisa da gigante chinesa que tem laboratórios nos Estados Unidos. As primeiras informações sobre esses cortes foram divulgadas no início da semana passada pelo jornal The Wall Street Journal.

De acordo com um funcionário da Futurewei ouvido pela reportagem da CNBC, a expectativa é que cerca de 70% dos 850 trabalhadores contratados percam seus empregos. Segundo o Wall Street Journal, funcionários com cidadania chinesa teriam recebido a opção de serem transferidos para escritórios da Huawei na China.

A empresa teria enviado uma lista de cortes para os laboratórios da Futurewei indicando que ela deveria interromper os trabalhos em programas de código aberto, pesquisas em tecnologia considerada crucial e qualquer projeto relacionado a produtos da Huawei que serão lançados em breve.

A companhia justificou os cortes, afirmando que eles foram causados pelas restrições impostas pelo governo dos Estados Unidos nos últimos meses.

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Veja também
Huawei demite centenas de funcionários nos EUA