Huawei planeja centenas de demissões em escritórios nos EUA

1 min de leitura
Imagem de: Huawei planeja centenas de demissões em escritórios nos EUA
Fonte: Flickr/Karlis Dambrans
Avatar do autor

Huawei está planejando uma série de demissões em seus escritórios localizados nos Estados Unidos, afirma uma reportagem do The Wall Street Journal que conversou com fontes próximas à companhia chinesa. De acordo com o jornal, os cortes devem afetar centenas de funcionários.

As demissões serão feitas na Futurewei Technologies, uma subsidiária da Huawei que opera laboratórios de pesquisa no país. A reportagem afirma que muitos trabalhadores já foram avisados que perderão seus cargos e os funcionários chineses que se mudaram para os EUA com o objetivo de trabalhar nesses laboratórios receberam a opção de serem realocados na China.

A Futurewei tem escritórios nos estados norte-americanos do Texas e de Washington que atualmente empregam um total de 850 pessoas. Embora seja legalmente uma subsidiária, a companhia sempre atuou como parte da Huawei. Ela nem mesmo chegou a criar uma marca própria ou um site separado que a diferenciasse da empresa mãe.

Durante as últimas semanas, a Huawei vem tentando se recuperar do banimento imposto por Donald Trump, presidente dos EUA. Com o fim da proibição – anunciado por Trump após um encontro com Xi Jinping, presidente da China – as ações de empresas de chips voltaram a subir. A expectativa é que os negócios entre a Huawei e companhias norte-americanas voltem ao normal durante as próximas semanas.

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Veja também
Huawei planeja centenas de demissões em escritórios nos EUA