Apple adverte funcionários sobre vazamento de informações

1 min de leitura
Imagem de: Apple adverte funcionários sobre vazamento de informações
Fonte: VisualHunt
Avatar do autor

Ao longo dos anos, a Apple vem reforçando suas medidas de segurança para evitar vazamentos de informações sobre novos produtos. No último dia 13, a empresa publicou um memorando em seu blog interno com o intuito de advertir funcionários a respeito de informações dadas sobre novos produtos e peças.

“Quem vaza informações, além de ser demitido da Apple, pode ser preso ou multado por invasão e roubo de segredos comerciais, considerados crimes federais”, diz o documento. A empresa declara ter detectado 29 vazamentos no ano de 2018, mencionando ainda que, dentre as 12 pessoas presas devido às divulgações não autorizadas, havia não apenas funcionários de empresas terceirizadas, mas também pessoas diretamente ligadas à Apple.

Informações vazadas sobre os novos produtos podem impactar vendas negativamente, reduzindo o encantamento e tirando da empresa a oportunidade de dizer aos seus clientes o porquê de usar aquele produto, além de presentear concorrentes com mais tempo para produzir uma resposta competitiva.

Proximidade de jornalistas

Enfatizando situações em que informações vazaram, revelando detalhes do iPhone X e do novo Apple Watch, ainda por serem lançados à época, a empresa estadunidense afirma que jornalistas se aproximam de funcionários da Apple em redes sociais para obter informações privilegiadas.

A obtenção e a publicação de segredos pode garantir o sucesso de mídias, gerando tráfego para publicações. Mas a empresa da Maçã adverte seus funcionários: “embora possa parecer lisonjeiro ser abordado, é importante lembrar que você está sendo manipulado”.

Toda essa repressão faz parte de iniciativas mais amplas e duradouras das empresas de tecnologia do Vale do Silício para rastrear e limitar as informações que seus funcionários compartilham publicamente, e a Apple não está sozinha nessa. Nomes como Google e Facebook, embora bastante abertas com os funcionários sobre seus planos, acompanham de perto as comunicações externas e postagens em redes sociais, demitindo pessoas quando encontram vazamentos sobre seus produtos.

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Veja também
Apple adverte funcionários sobre vazamento de informações