Trump diz no Twitter que criptomoeda não é dinheiro e é “baseada no ar”

2 min de leitura
Imagem de: Trump diz no Twitter que criptomoeda não é dinheiro e é “baseada no ar”
Fonte: Flickr/ Gage Skidmore
Avatar do autor

No Twitter, o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, criticou a moeda digital Libra que está sendo criada pelo Facebook, o Bitcoin e outras criptomoedas. Ele afirmou que as modalidades não são dinheiros e têm como base o “ar”.

O presidente norte-americano pontuou também que as empresas controladoras das criptomoedas deveriam se sujeitar às regulamentações se quiserem “se tornar um banco”.

"Eu não sou fã do Bitcoin e de outras Criptomoedas, que não são dinheiro, e cujo valor é altamente volátil e baseado no ar rarefeito. As criptomoedas não regulamentadas podem facilitar o comportamento ilegal, incluindo tráfico de drogas e outras atividades", escreveu Trump no Twitter.

“Da mesma forma, a Libra, 'moeda virtual' do Facebook, terá pouca importância ou confiabilidade. Se o Facebook e outras empresas querem se tornar um banco, eles devem buscar uma nova Carta Bancária e ficar sujeitos a todos os Regulamentos Bancários, tanto nacionais quanto internacionais, assim como os outros”, continuou

“Temos apenas uma moeda real nos EUA, e é mais forte do que nunca, confiável. É de longe a moeda dominante em qualquer parte do mundo, e será sempre assim. É chamado o dólar dos Estados Unidos!”, finalizou.

Contexto

Na última quarta-feira (10), o presidente do Banco Central norte-americano, Jerome Powell, anunciou a não aprovação do plano do Facebook de construir uma moeda digital, a não ser que a empresa resolva as questões sobre privacidade, lavagem de dinheiro, proteção ao consumidor e estabilidade financeira.

A instituição comandada por Powell criou um grupo de trabalho para acompanhar o desenvolvimento da Libra junto com outros agentes regularizadores do mercado norte-americano.

Cupons de desconto TecMundo:

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Trump diz no Twitter que criptomoeda não é dinheiro e é “baseada no ar”