Imagem de: Desinteresse da Apple por design teria levado Jony Ive à saída, Cook nega

Desinteresse da Apple por design teria levado Jony Ive à saída, Cook nega

2 min de leitura
Avatar do autor

A saída de Jony Ive, ex-chefe de design da Apple, foi anunciada semana passada pela empresa e está dando o que falar. No domingo (30), o The Wall Street Journal publicou uma matéria afirmando que Ive teria saído da Apple por conta do desinteresse da fabricante no design de seus produtos. Logo Tim Cook, CEO, se pronunciou chamando a história de absurda.

De acordo com publicações do WSJ e Bloomberg, Ive tinha seu papel reduzido dentro da Apple desde 2015. As fontes das notícias disseram que o designer ficava apenas dois dias por semana na sede em Cupertino, o restante de seus compromissos eram fora.

Ive estaria insatisfeito também com o fato de que o novo conselho administrativo da dona do iPhone é formado por mais pessoas que entendem de finanças e operações do que de tecnologia. O desinteresse pelo processo de desenvolvimento de produtos vinha do próprio Tim Cook, de acordo com as publicações.

A criação do Apple Watch também foi um fator de divergência para Ive por achar que o dispositivo deveria ser como um acessório de moda, enquanto os outros executivos diziam que ele seria uma extensão do iPhone.

apple(Fonte: Apple/Divulgação)

Resposta de Cook

Tim Cook categorizou as informações como absurdas em um email enviado ao jornalista Dylan Byrers, repórter da NBC. O CEO disse que não reconhece a Apple na empresa descrita pela matéria do WSJ.

E aproveitou para reiterar a importância e competência do time de design da empresa:

"A história é absurda. Muitas reportagens e, certamente, as conclusões não combinam com a realidade. Em um nível básico, mostra uma falta de compreensão sobre como a equipe de design funciona e como a Apple funciona. Ela [a matéria] distorce relacionamentos, decisões e eventos ao ponto de simplesmente não reconhecermos a empresa que ela pretende descrever. 

A equipe de design é incrivelmente talentosa. Como Jony disse, eles estão mais fortes do que nunca e tenho total confiança de que eles vão prosperar sob a liderança de Jeff, Evans e Alan. Sabemos a verdade e sabemos as coisas incríveis que eles são capazes de fazer. Os projetos em que eles estão trabalhando vão explodir a sua cabeça", de acordo com a tradução do tweet.

Com ou sem desentendimentos, o fato é que Ive e Cook continuarão a manter parcerias: a empresa criada pelo ex-Apple tem a dona do iPhone como primeira cliente, com um acordo de milhões de dólares.

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Veja também
Desinteresse da Apple por design teria levado Jony Ive à saída, Cook nega