Imagem de: Apple e Qualcomm finalmente encerram briga judicial sobre royalties

Apple e Qualcomm finalmente encerram briga judicial sobre royalties

1 min de leitura
Avatar do autor

AppleQualcomm vinham mantendo uma disputa judicial sobre patentes que já durava mais de dois anos e parecia longe do fim. As duas empresas resolveram a disputa de royalties, encerrando todas as ações judiciais em andamento, inclusive as que envolvem parceiros de fabricação.

Valor pago pela Apple não foi divulgado

A Apple concordou em pagar à Qualcomm uma quantia não especificada, enquanto os dois lados assinaram um acordo de licença de patente de 6 anos, bem como um acordo de fornecimento de chipset sem fio "multianual". Embora mais um capítulo do julgamento federal estivesse começando nesta semana, não está muito claro o que levou à conclusão, de certa forma, inesperada.

Enquanto a Qualcomm segue preocupada com ações antitruste e o processo podia piorar sua situação, a maior questão envolvendo a Apple é a chegada do 5G. Com SamsungHuawei destinando seus componentes para seus próprios aparelhos e a Intel projetando seus modems para a Maçã somente em 2020, a Gigante de Cupertino talvez tenha achado melhor custear a multa e entrar nesse mercado mais cedo do que arcar com a chegada tardia.

apple qualcomm

Vale lembrar que uma das grandes reclamações dos usuários da Apple recentemente toca justamente no assunto inovação. Ficar de fora da estreia da maior novidade no setor nos últimos anos seria algo, digamos, imprudente, principalmente quando vemos a ascensão de chinesas como a Xiaomi e a Huawei, que já estão com seus 5G no forno.

Ações da Qualcomm sobem com o anúncio

O fim da treta movimentou o mercado de ações, com os papeis da Qualcomm subindo quase 15%, segundo a CNBC. O valor de mercado da companhia aumentou de US$ 14,5 bilhões para nada menos do que US$ 84 bilhões em apenas algumas horas. A previsão é de lucro adicional de US$ 2 por cota, à medida que os pedidos por componentes aumentam. Esse é o melhor desempenho da fabricante desde 1999.

A Apple, por outro lado, também viu suas ações subirem pouco menos de 1% e a Intel, que pode deixar de fornecer muitos chips para a Maçã no futuro breve, apresentou uma leve queda. Ainda é cedo para dizer como todo o mercado vai reagir a essas pazes inesperadas — mas pode ter certeza que a notícia vai abalar o setor nas próximas semanas.

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Veja também
Apple e Qualcomm finalmente encerram briga judicial sobre royalties