Facebook teria perdido mais de 15 milhões de usuários nos EUA desde 2017

1 min de leitura
Imagem de: Facebook teria perdido mais de 15 milhões de usuários nos EUA desde 2017
Fonte: morettic
Avatar do autor

De acordo com dados de uma consultoria norte-americana chamada Somerville, o Facebook teria perdido mais de 15 milhões de usuários somente nos Estados Unidos entre jovens de 12 a 34 anos desde 2017. Acredita-se que a causa dessa “debandada” seja toda a publicidade envolvendo os escândalos de privacidade protagonizados pela rede social de Mark Zuckerberg naquele ano.

Vale destacar que essa perda de usuários é referente apenas aos EUA e à dita faixa etária. Os números de usuários ativos mensalmente com idades acima de 34 anos se mantiveram muito estáveis entre 2017 e 2019.

facebookDados mostram queda na quantidade de usuários do Facebook na faixa etária mais jovem (fonte: Somerville)

Outro detalhe que precisa ser mencionado é que esses números não foram divulgados oficialmente pelo Facebook. Em vez disso, a Somerville coletou dados de uso da plataforma externamente para fazer essa estimativa.

Nessa conta também não entram usuários que saíram de uma faixa etária para outra no período, tampouco usuários que poderiam ter migrado do Facebook para outra plataforma da mesma empresa, como o Instagram.

Apesar desses números, o Facebook parece ter crescido sua contagem global de usuários. Entre 2017 e 2018, a rede social teria conseguido 9% mais usuários, o que pode significar que os escândalos de privacidade tiveram um impacto maior somente nos EUA. Entretanto, esse é o principal e mais importante mercado da rede social atualmente em termos de receita por usuário.

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Facebook teria perdido mais de 15 milhões de usuários nos EUA desde 2017