A Nokia revelou hoje (25) a renovação de um contrato de licenciamento de patentes com a Samsung. A empresa finlandesa vai então compartilhar uma série de tecnologias com a coreana, especialmente no que tange à smartphones e redes móveis.

Não foi revelado, entretanto, quais patentes em específicos serão licenciadas para uso da Samsung, mas, pelo teor do comunicado oficial da Nokia, o lote parece ser referente apenas telefonia móvel e assuntos adjacentes, como redes 5G.

Samsung e Nokia tinham um acordo assinado em 2016 que venceria no fim de 2018. Com essa novidade, a Samsung poderá continuar usando patentes da parceira por um período não revelado. Só sabemos que o novo acordo se inicia em 1º de janeiro de 2019.

Esse acordo demonstra a força do nosso portfólio de patentes e nossa liderança em P&D e licenciamento para padrões de telefonia, incluindo 5G

“A Samsung é uma líder na indústria de smartphones e tem sido licenciadora de tecnologia da Nokia por muitos anos. Estamos contentes em ter chegando a um acordo para renovar nosso licenciamento. Esse acordo demonstra a força do nosso portfólio de patentes e nossa liderança em P&D e licenciamento para padrões de telefonia, incluindo 5G”, disse Maria Varsellona, líder do departamento jurídico e presidente da Nokia Technologies.

É interessante destacar que estamos falando da verdadeira Nokia, a finlandesa que vendeu sua divisão de smartphones para a Microsoft anos atrás. Não confundir com a HMD Global, que apenas vende celulares com a marca da Nokia atualmente.

Além desse licenciamento de tecnologia para a Samsung, a Nokia deve se dar muito bem também com a implantação do 5G no mundo. O papel crucial da empresa na criação desse novo padrão deve render a ela cerca de 3 euros (R$ 12,65 na cotação atual) por cada smartphone 5G vendido no mundo.