A briga entreAppleQualcomm é antiga e está ganhando um novíssimo capítulo: a fabricante norte-americana de processadores e outros produtos acusa a Maçã de ter roubado segredos industriais sobre seus modems na forma de códigos e repassado as informações para a Intel, atual fornecedora dos modems do iPhone XsXs Max e Xr.

Agora, ela pretende acrescentar essa nova acusação ao caso, alegando que a Apple teria repassado informações secretas para a Intel

A acusação foi feita pela Qualcomm e ela soma-se ao processo já em andamento no qual a empresa afirma que a Apple teria violado o contrato de software firmado entre as duas companhias. A novela vem se arrastando desde de novembro de 2017 e o combinado entre as empresas era de que a Qualcomm poderia periodicamente verificar se o código-fonte e as ferramentas compartilhadas com a Apple estavam protegidas.

Informações roubadas

A fabricante de processadores afirmou que a Apple vem impedindo a Qualcomm de fiscalizar a utilização de seu próprio código. Agora, ela pretende acrescentar essa nova acusação ao caso, alegando que a Apple teria repassado informações secretas para a Intel com o intuito de melhorar os chips modernos usados nos novos iPhones.

A nova acusação da Qualcomm é feita a apenas alguns dias após o lançamento da nova linha de iPhones da Apple e dá ainda mais complexidade para o caso. A fabricante de processadores tem feito pressão para que a Apple aceite um acordo feito pela empresa, mas mesmo assim afirmou por meio de Donald Rosenberg, membro do conselho geral da Qualcomm, que a acusação atual teria sido feita independentemente da situação do restante do processo.

Cupons de desconto TecMundo: